Recuperação de lesão na costela foi como "montanha-russa", diz Nadal

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Rafael Nadal vibra ao comemorar vitória na segunda rodada do Aberto de Madri
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

(Reuters) - Rafael Nadal disse que sua recuperação de uma lesão na costela foi como uma "montanha-russa" depois que o 21 vezes campeão de Grand Slams voltou à ação com uma vitória sobre Miomir Kecmanovic no Aberto de Madri.

O campeão do Aberto da Austrália fez seu primeiro jogo desde que se machucou em Indian Wells em março, mas mostrou poucos sinais de falta de ritmo, chegando a uma vitória por 6-1 e 7-6(4) na quarta-feira.

"Deixo a partida muito, muito feliz. Você tem que ser sincero consigo mesmo... minha preparação não existiu. Você não pode esperar grandes coisas no começo", disse Nadal a repórteres.

"Todos os treinos tiveram altos e baixos, foi uma montanha-russa. Tive dias melhores, dias piores. No final das contas, a costela é um problema que limita muito o seu jogo."

O espanhol acrescentou que o treinamento foi difícil devido à natureza da lesão, mas não estava preocupado com sua falta de preparação antes do Aberto da França no final deste mês, onde buscará o 14º título.

"Há lesões que permitem fazer trabalho físico, trabalho aeróbico. A costela não me permitiu fazer nada... mas não estou preocupado. Só acho que cada minuto que estou na quadra é algo positivo", disse o tenista de 35 anos.

Nadal, pentacampeão em Madri, enfrentará o belga David Goffin nas oitavas de final na quinta-feira.

(Reportagem de Dhruv Munjal em Bangaluru)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos