Recordista em finais, Alemanha tenta acabar com “maldição” na Copa da Rússia

Goal.com

Após conquistar o tetracampeonato da Copa do Mundo em 2014, com direito a goleada por 7 a 1 sobre o anfitrião Brasil na semifinal, a Alemanha chega ao Mundial de 2018, na Rússia, como uma das grandes favoritas. No entanto, para conseguir o penta, o time comandado por Joachim Löw precisará dar fim a uma maldição que vem perseguindo os últimos atuais campeões.

Manuel Neuer Germany World Cup 2014
Manuel Neuer Germany World Cup 2014

(Foto: Getty Images)

Assim como a Alemanha, a Itália, campeã do mundo em 2006, foi para a Copa da África do Sul com status de favorita. No entanto, com uma péssima campanha, acabou caindo ainda na fase de grupos. A Azzurra não conseguiu um triunfo sequer: empatou com o Paraguai e com a Nova Zelândia em 1 a 1, e perdeu para a Eslováquia por 3 a 2.

Em 2014, a vítima da vez foi a Espanha. Campeã pela primeira vez na história em 2010, o país também chegou como um dos favoritos, mas não passou da primeira fase, com direito a goleada sofrida por 5 a 1 sobre a Holanda, adversária que tinha derrotado na final na África. A “Fúria” ainda perdeu por 2 a 0 para o Chile. Já eliminada, na despedida, acabou vencendo a Austrália por 3 a 0.

Tentando não se tornar a terceira vítima, a Alemanha estreia no Grupo F do Mundial, neste domingo (17), às 12h (de Brasília), contra o México. Depois, a seleção ainda enfrenta a Suécia, dia 23, no estádio Olímpico de Fisht, e a Coreia do Sul, no dia 27, na Arena Kazan.

Alemanha: Recordista de finais

Alemanha PS - Finais Copa - 13/06/2018
Alemanha PS - Finais Copa - 13/06/2018

A Alemanha, inclusive, se tornou na última Copa, ao fazer a decisão contra a Argentina, a Seleção com mais presença em finais: são oito contra sete do Brasil. O aproveitamento do time canarinho, porém é melhor: cinco (1958, 1962, 1970, 1994 e 2002) a quatro (1954, 1984, 1990 e 2014).

Além de oito decisões, a Alemanha chegou entre os quatro primeiros em outras cinco ocasiões (1934, 1958, 1970, 2006 e 2010). Ou seja, das 20 Copas disputadas até hoje, em 13 eles chegar pelo menos até as semifinais.

Leia também