Valdivia volta a ser convocado para defender seleção chilena

Santiago do Chile, 14 mar (EFE).- O meia Jorge Valdivia, ex-Palmeiras, é uma das novidades da primeira parte da convocação do técnico argentino Juan Antonio Pizzi, da seleção chilena, para os jogos contra Argentina e Venezuela, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018.

O jogador, que defende o Al-Wahda, dos Emirados Árabes, não era chamado para defender a 'Roja' desde outubro do ano passado, quando a equipe nacional encarou Equador e Peru, pelo torneio qualificatório. 'El Mago', no entanto, ficou fora dos compromissos devido problemas musculares.

Para esta convocação, Pizzi não pôde relacionar o meia Marcelo Díaz, do Celta de Vigo, que se recupera de lesão no joelho direito. Já Arturo Vidal, do Bayern de Munique, foi chamado, mas não poderá encarar a Argentina, por estar suspenso.

Um dos convocados para as duas partidas, no dia 23 de março, no Monumental de Núñez, e cinco dias depois, contra a Bolívia, no Monumental de Santiago, é o lateral-esquerdo Eugenio Mena, atualmente no Sport Recife.


Confira os convocados da seleção chilena para jogos com Argentina e Bolívia:.


Goleiro: Claudio Bravo (Manchester City-ING).

Defensores: Mauricio Isla (Cagliari-ITA), Enzo Roco (Cruz Azul-MEX), Eugenio Mena (Sport Recife), Paulo Díaz (San Lorenzo-ARG), Gary Medel (Inter de Milão-ITA), Francisco Silva (Cruz Azul-MEX) e Erick Pulgar (Bologna-ITA).

Meias: Carlos Carmona (Atlanta United-EUA), Charles Aránguiz (Bayer Leverkusen-ALE), Felipe Gutiérrez ( Real Betis-ESP), Arturo Vidal (Bayern Munique-ALE), Pedro Pablo Hernández (Celta de Vigo-ESP), Martín Rodríguez (Cruz Azul-MEX) e Jorge Valdivia (Al-Wahda-EAU).

Atacantes: Alexis Sánchez (Arsenal-ING), Fabián Orellana (Valencia-ESP), Eduardo Vargas (Tigres-MEX) e Nicolas Castillo (Pumas-MEX). EFE