Raul reconhece que o Corinthians não acertou com três zagueiros e admite que vai secar rivais

Raul Gustavo será titular no Maracanã (Foto: Rodrigo Coca/Ag.Corinthians)


O zagueiro Raul Gustavo reconheceu que o esquema defensivo do Corinthians não se acertou com três defensores na primeira etapa da derrota por 1 a 0 contra o Cuiabá, nesta terça-feira (7), na Arena Pantanal, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

+ GALERIA - Jogadores da base que mais ganharam chances com VP
+ TABELA - Confira e simule os jogos do Corinthians no Brasileirão

O técnico Vítor Pereira escalou inicialmente a equipe com Robson Bambu, Gil e Raul, com Mantuan e Bruno Melo pelas alas, mas logo no intervalo fez quatro alterações retomando a linha de quatro, principalmente com as saídas de Robson Bambu e Bruno Melo.

– Cuiabá jogando em casa é forte. Não conseguimos acertar na linha de três, como queríamos, Vítor Pereira viu isso e mudou. Demos o nosso melhor, mas não conseguimos vencer. Agora é focar na sequência do trabalho – disse o defensor ao SporTV, na saída de campo.

Com o revés, o Timão pode perder a liderança do Brasileirão, já que estacionou nos 18 pontos e verá Palmeiras e Atlético-MG, rivais diretos na busca pelo primeiro lugar, entrando em campo no complemento da rodada, ainda nesta semana.

O Galo joga nesta quarta-feira (8), às 21h, contra o Fluminense, no Rio de Janeiro, já o time palmeirense joga na quinta-feira (9), às 19h, no Allianz Parque, contra o Botafogo.

Raul deixou claro que o primeiro pensamento é fazer o resultado, mas admitiu que secará os adversários diretos.

– A gente tem que se preocupar com a gente, fazer o dever de casa, o que não conseguimos, mas vamos secar, porque quem quer ser campeão tem que secar os adversários – destacou Raul.

Mesmo secando, Raul Gustavo entende que o Corinthians precisa evoluir para não deixar escapar mais pontos durante o campeonato e lutar pelo oitavo título brasileiro, mesmo reconhecendo que o Cuiabá foi melhor no jogo desta terça-feira (7).

– A gente veio para impor o nosso jogo. Foi um jogo difícil, viemos co a cabeça de conquistar os três pontos, não conseguimos. Precismos melhorar, agora é descansar. A equipe do Cuiabá foi melhor, mas demos o nosso melhor. Vamos dar o melhor para ganhar o próximo jogo – afirmou o camisa 34.

A derrota para o Cuiabá foi a segunda do Campeonato Brasileiro até aqui. Em 10 jogos, são cinco vitórias, três empates e dois revezes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos