Ramiro mostra otimismo na Copa do Brasil, mas adota tom realista sobre o momento do Corinthians

LANCE!
·3 minuto de leitura


O Corinthians conquistou uma grande vitória sobre o Internacional, no último sábado, pela 19ª rodada do Brasileirão-2020, mas já tem uma parada dura nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil, quando enfrenta o América-MG, pela partida de volta das oitavas de final. O importante resultado do último sábado, porém, ainda não tira os pés de Ramiro do chão. Apesar de mostrar confiança em uma vaga nas quartas de final, o meio-campista adota tom bem realista.

Em entrevista coletiva virtual na tarde desta terça-feira, Ramiro procurou não criar muitas expectativas para o torcedor corintiano e explicou qual é o atual objetivo do clube na temporada. Segundo o camisa 8, mesmo após a vitória sobre o Inter, a meta continua sendo afastar a equipe da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro e só depois pensar em algo maior na competição.

- Em se tratando de Brasileiro, temos que ser realistas: nosso momento hoje é de se afastar da zona do rebaixamento. A gente vem toda a metade do campeonato nesta briga, entramos no Z-4 por uma rodada, queremos nos afastar o mais rápido possível e depois pensar em colar no pelotão da frente. Temos que colher bons resultados para se afastar e depois a gente vê até onde pode chegar para no final da competição brigar por vaga na Libertadores.

Enquanto pensa no Brasileirão, o Corinthians precisa dividir as atenções com os compromissos pela Copa do Brasil. Na última semana, o time foi derrotado em casa, por 1 a 0, pelo América-MG, e nesta quarta-feira vai até o Independência para tentar uma vitória por dois ou mais gols de diferença para ter a vaga no tempo normal, ou por um gol de diferença para levar a decisão aos pênaltis.

Para Ramiro, o Timão vai para Minas Gerais para buscar a classificação, seja de que forma for e a estratégia será bem parecida com aquela do duelo na Neo Química Arena, porém com mais efetividade, principalmente nos passes finais e nas finalizações. De acordo com o meio-campista é hora de colocar o "coração na ponta da chuteira", já que é uma decisão importante para o ano.

- Na Copa do Brasil é ser simples e objetivo: vamos buscar a classificação, não tem outra conversa, independentemente de ter de fazer um ou dois gols, é entrar, lutar e honrar a camisa para conseguir essa classificação - comentou o camisa 8 antes de completar o raciocínio:

- Vamos querer fazer um jogo tecnicamente e com motivação maior do que o daqui, que deixou a desejar, mas acho que as estratégias serão parecidas. Eles explorando o contra-ataque, a gente com mais posse. Aqui trabalhamos no campo do adversário, mas sem finalizar muitas jogadas, sem êxito no último passe. Isso temos que melhorar e botar o coração na ponta da chuteira. É um jogo que define muita coisa na temporada - concluiu.

O Corinthians enfrenta o América-MG nesta quarta-feira, às 21h30, no Independência, pela partida de volta das oitavas de final da Copa do Brasil. No Campeonato Brasileiro, o Timão ocupa a 11ª posição na tabela e soma 24 pontos, cinco a mais do que o primeiro clube na zona de rebaixamento.