Quimsa bate o San Lorenzo e pega o Flamengo na final da Champions League das Américas de basquete

LANCE!
·2 minuto de leitura


O adversário do Flamengo na final da Champions League das Américas de basquete está definido. Nesta terça-feira, em duelo de argentinos, o Quimsa venceu o San Lorenzo por 110 a 97, na prorrogação, e será o adversário do clube rubro-negro na primeira edição do torneio. A decisão acontece na próxima sexta-feira.


O JOGO
A partida começou com domínio do San Lorenzo, que venceu os dois primeiros períodos. Vildoza e Maldonado, principalmente em bolas de três, desequilibraram para o time do Papa, que venceu o primeiro quarto por 26 a 18. No segundo período, o San Lorenzo continuou com uma boa marcação e Fjellerup e Caffaro foram os destaques da equipe de Almagro, que venceu mais uma vez, agora por 22 a 18 (48 x 36, ao final do primeiro tempo).

No segundo tempo, entretanto, o jogo mudou de figura e o Quimsa cresceu. Liderados por Baralle, Robinson e Barrios, o time de Santiago del Estero cresceu defensivamente, fechou o período em 29 a 22, e foi para o último quarto a cinco pontos de empatar a partida. Nos dez minutos decisivos, o San Lorenzo, já cansado, não suportou a pressão e viu o Quimsa virar o jogo. No fim, Luis Montero, do San Lorenzo, empatou o jogo em lance livre e levou a partida para a prorrogação. O último período terminou em 26 a 21 para o Quimsa (91 x 91, no jogo).

Esgotado fisicamente desde o último período, o San Lorenzo não teve forças para a prorrogação e viu o Quimsa passar por cima. Baralle e Robinson, inspirados em bolas de três, fizeram 19 a 6 e classificaram a equipe do norte da Argentina para a grande decisão.

A SÉRIE
Jogo 1 - 9/3 - San Lorenzo 84 x 91 Quimsa
Jogo 2 - 12/3 - Quimsa 87 x 100 San Lorenzo
Jogo 3 - 27/10 - Quimsa 110 x 97 San Lorenzo

FLAMENGO DE OLHO
A decisão da primeira edição da Champions League das Américas de basquete será entre Brasil e Argentina. O Flamengo, que eliminou o Instituto Córdoba na semifinal em março, ainda antes da pandemia da Covid-19, lutará pelo título continental com os argentinos.

Será a segunda vez que as equipes se encontrarão em uma final continental. Em 2009, os clubes se enfrentaram na final da Liga Sul-Americana e os rubro-negros levaram a melhor. Em dia de show de Marcelinho Machado, que foi o cestinha da partida com 41 pontos, o Flamengo venceu por 98 a 96 e levantou o troféu.

A DECISÃO
Flamengo e Quimsa se enfrentam na próxima sexta-feira, às 20h (de Brasília), na Antel Arena, em Montevidéu, capital do Uruguai. A decisão será em jogo único e terá transmissão da DAZN.