Quem é Vinícius Tobias, promessa do Internacional na mira de gigantes da Europa?

Goal.com

As Jovens promessas do futebol brasileiro deixam os clubes cada vez mais cedo rumo à Europa. E para se proteger do assédio europeu, o Internacional assinou um contrato profissional com uma de suas maiores promessas, o lateral direito Vinícius Tobias. Agora, com apenas 16 anos, o jogador já tem uma multa rescisória de incríveis 60 milhões de euros (cerca de R$ 340 milhões na cotação atual).

Vinícius sempre foi considerado como um dos maiores destaques da base colorada. Porém, começou a chamar ainda mais a atenção após o sul-americano sub-15, no final do ano passado.

A seleção brasileira foi campeã do torneio internacional após bater a Argentina na final com grande atuação da promessa do Inter. O lateral foi o autor do gol que garantiu o empate por 1 a 1 no tempo normal. Nas penalidades, ele também acertou sua cobrança e ajudou o Brasil a sair com o título da competição.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Após a atuação de destaque, a qualidade ofensiva de Vinicius chamou a atenção e ele passou a ser especulado como alvo de diversos gigantes da Europa. Segundo o veículo italiano Tutto Mercatto, Real Madrid, City e United estariam entre os principais interessados, enquanto o jornal espanhol Don Balón colocou o clube merengue ao lado do Bayern na frente da disputa. 

Mesmo com os rumores, Augusto Nogueira, representante do jogador, mantém os pés no chão com a jóia colorada, que ainda tem um longo caminho para se destacar no futebol profissional.

“Ele ainda tem um longo caminho pela frente, precisa terminar sua formação. O clube trata ele com todo carinho, assim como trata todos atletas da base. No momento certo ele vai chegar no time profissional”, disse o empresário à Rádio Guaíba, do Rio Grande do Sul.

Além disso, Augusto reforçou que ainda não houve proposta concreta de nenhum clube europeu, apesar de de admitir que a boa atuação no sul-americano sub-15 tenha aumentado sua visibilidade.

“Ainda não existe nada de concreto, não recebemos nenhum contato. Assim que ele completou 16 anos a gente fez o contrato de profissional, que é válido por três anos”, explicou. “Ele ainda é muito jovem para ficar pensando em transferência para a Europa. Mas essas competições são acompanhadas pelos scouts da Europa”, completou.

Cabe destacar que os clubes são proibidos de negociar jogadores com menos de 18 anos com equipes do exterior. Mas enquanto não pode se transferir, Vinícius segue nas categorias de base do Inter esperando uma chance na equipe principal.

Se depender de Eduardo Coudet, essa chance não deve demorar para aparecer. O treinador está constantemente de olho nos jovens do Inter e tem como missão revelar novos talentos da base colorada.

Leia também