Queda de rendimento nos segundos tempos do São Paulo viram preocupação para Ceni


O enredo de uma noite épica no Morumbi após um primeiro tempo em que virou sobre o Atlético-MG virou água no São Paulo após mais uma vez a equipe ter queda brusca de rendimento na etapa final. Desta vez, contudo, o enredo saiu até que positivo para o Tricolor, com o empate em 2 a 2, na quinta-feira (1), pelo Campeonato Brasileiro.


+ Confira as notas dadas aos jogadores do São Paulo no empate com o Atlético-MG segundo a avaliação da equipe do LANCE!

Nos vestiários após a partida, o técnico Rogério Ceni reconheceu que existe um problema a ser observado.

- Parece que a gente não consegue mais render nos segundos tempos como rendemos nos primeiros. Quando marca (gol) no primeiro tempo acaba sofrendo bastante.

Contra o Atlético-GO, o Tricolor foi sufocado toda a etapa final diante do Dragão e só se salvou de um resultado sem graça como gol redentor de Luan nos acréscimos. Antes, contudo, já havia sofrido contra o Juventude e chegou a perder em pleno Morumbi para o Botafogo, com gol no final do jogo.

- É um cansaço, é uma temporada. Alguns jogadores rendem mais fisicamente, outros são mais técnicos. É o fim da temporada, são os últimos jogos, diferente do meio do ano que jogamos cada campeonato com um time, agora nós temos repetido sempre oito, nove jogadores, às vezes ainda improvisando, como aconteceu hoje (Reinaldo atuou de ala-direito).

Para o treinador são-paulino, é preciso estudar alternativas.

- A gente começa a perder o fôlego. O fim da temporada vai cobrando um preço e você paga. Por isso temos que aproveitar quando estamos com a energia alta para fazer os gols.

- A gente oscila muito dentro de um mesmo jogo, às vezes vai bem, mas não consegue repetir, compete dentro da capacidade técnica e de elenco que temos - completou Ceni.

O São Paulo chegou aos 51 pontos, mas segue em oitavo. Combinação de resultados, por enquanto, é favorável é deixa o clube na luta para seguir na fase de classificação à Libertadores. E motivos positivos são necessários para tentar manter o ânimo nesta reta final.

- Foi um jogo equilibrado. Futebol não tem isso de favorito. Se falasse antes do campeonato que iríamos empatar os dois jogos com o Atlético-MG, favorito ao titulo, vocês acreditariam? Era um passo muito grande para chegar nessa vaga na Libertadores. Vamos fazer o que nós podemos para buscar um bom resultado na próxima rodada.

> Confira classificação, jogos e simule resultados do Brasileirão-22
> Conheça o novo aplicativo de resultados do LANCE!