Clubes ingleses anunciam saída da Superliga Europeia

LANCE!
·2 minuto de leitura


Após uma série de protestos de torcedores e jogadores, todos os seis clubes ingleses decidiram deixar a Superliga Europeia. Depois do anúncio oficial do Manchester City, primeiro clube a deixar a competição, Arsenal, Chelsea, Liverpool, Manchester United e Tottenham confirmaram suas desistências do torneio.

Veja a tabela do Inglês

Através de um comunicado oficial, o Arsenal admitiu ter cometido 'um erro' e pediu desculpas por ter aceitado participar da Superliga.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

- Nunca foi nossa intenção causar tanta angústia, no entanto, quando veio o convite para entrar na Superliga, sabendo que não havia garantias, não quisemos ser deixados para trás para garantir a proteção do Arsenal e seu futuro - publicou o time dos Gunners em carta aberta.

Liverpool e Manchester United também anunciaram a sua saída da competição continental.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

- Nos últimos dias, o clube recebeu representações de várias partes interessadas importantes, tanto interna quanto externamente, e gostaríamos de agradecê-los por suas valiosas contribuições - publicou o Liverpool.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

- Ouvimos atentamente a reação de nossos fãs, do governo do Reino Unido e de outras partes interessadas importantes. Continuamos comprometidos em trabalhar com outras pessoas na comunidade do futebol para encontrar soluções sustentáveis ​​para os desafios de longo prazo que o futebol enfrenta - disse a nota do Manchester United.

O dono do Tottenham, Daniel Levy, também falou sobre a saída do clube londrino da Superliga Europeia.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

- Acreditamos que nunca devemos ficar parados e que o esporte deve revisar constantemente as competições e a governança para garantir que o jogo que todos amamos continue a evoluir e a entusiasmar os fãs em todo o mundo. Gostaríamos de agradecer a todos os apoiadores que apresentaram suas opiniões ponderadas - disse.