Quartararo afasta Márquez e comanda primeiro treino da MotoGP em Misano

JULIANA TESSER
Grande Prêmio

Tal qual aconteceu nos testes coletivos semanas atrás, Fabio Quartararo abriu o fim de semana em Misano com o pé direito. Nesta sexta-feira (13), o piloto da SIC mostrou um ritmo forte e assegurou a liderança do primeiro treino da MotoGP em Misano com sobras.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Com 1min33s153 na melhor de suas 21 voltas nesta ensolarada manhã na região de Emilia-Romagna, Quartararo assegurou o topo da tabela com 0s376 de margem para Marc Márquez, o segundo colocação.

Mais 0s070 atrás, Maverick Viñales ficou com o terceiro tempo, com Michele Pirro aparecendo como a melhor Ducati. 0s609 atrás do ponteiro, Aleix Espargaró colocou a Aprilia na quinta colocação, 0s240 melhor que o irmão Pol, o sexto.

Fabio Quartararo liderou o TL1 em San Marino (Foto; Divulgação/MotoGP)

Com 1min34s039, Franco Morbidelli fez a sétima marca, com Danilo Petrucci, Valentino Rossi e Tito Rabat fechando o rol dos dez mais rápidos.

Vice-líder do Mundial, Andrea Dovizioso ficou com o 11º tempo, 0s010 à frente de Álex Rins, o 12º. Jorge Lorenzo cravou 1min35s292 e ficou só em 21º, 2s139 mais lento que o ponteiro.

O GP de San Marino e da Riviera de Rimini de MotoGP está marcado para o domingo, às 9h (de Brasília). Acompanhe aqui a cobertura do GRANDE PRÊMIO.

Paddockast #33
10 ANOS DE SECA BRASILEIRA NA F1


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM


Saiba como foi o treino livre 1 da MotoGP em Misano:

Com o sol brilhando em Misano, os pilotos entraram na pista sob um calor de 24°C. A temperatura da pista estava em 22°C, com o vento soprando a uma velocidade de 8 km/h.

Com 1min35s705, Aleix Espargaró foi o primeiro a ocupar o topo da tabela de tempos, 0s010 melhor que Maverick Viñales. Marc Márquez tinha o terceiro tempo, seguido por Pol Espargaró e Valentino Rossi.

Rodando com um par de pneus médios, Márquez foi a 1min34s323 para assumir a ponta, com 0s098 de frente de Pol Espargaró. Rossi era o terceiro, seguido por Fabio Quartararo e Michele Pirro.


Márquez conseguiu baixar sua marca mais uma vez, mas perdeu a liderança para Quartararo, que cravou 1min33s910. O #93 não deixou barato e voltou à ponta no giro seguinte, abrindo 0s163 de margem para o francês. Pol seguia em terceiro, agora escoltado por Pirro, Viñales, Danilo Petrucci, Álex Rins e Rossi.

 

Nesta primeira manhã de treinos, Rossi foi para a pista com as novidades testadas pela Yamaha recentemente em Misano: um braço oscilante de carbono e um sistema de escapamento.

 

Quartararo logo deu o troco em Márquez e voltou à ponta, baixando para 1min33s516 na volta seguinte para abrir 0s231 de margem. Viñales chegou a assumir brevemente o segundo posto, mas Marc deu o troco por 0s024. 

Na primeira rodada de pit-stops, Quartararo tinha a liderança com 1min33s516, 0s059 melhor que Márquez. Viñales era o terceiro, com Pol Espargaró, Petrucci, Rins, Pirro, Rossi, Andrea Dovizioso e Jack Miller compondo um to-10 coberto por 0s971.

 

Com pouco mais de 25 minutos para o fim da sessão, Andrea Iannone sofreu uma queda na Quercia, a curva 8 de Misano. O #29, que será um dos responsáveis pela gestão da carreira de Romano Fenati no Mundial de Motovelocidade, escapou ileso do acidente.

 

De volta à pista, Márquez apertou o passo e reduziu para 0s013 o atraso em relação a Quartararo no topo da tabela. Mais atrás, Pirro melhorou para ficar com o quinto posto, com Rossi subindo para sétimo.

Em sua 11ª volta nesta manhã, Rossi subiu para a quinta colocação, 0s549 mais lento que Fabio. No giro seguinte, o #46 reduziu o atraso para 0s500. A única Yamaha fora do top-10 era a de Franco Morbidelli, que tinha o 17º tempo.


Na segunda rodada de paradas, Quartararo seguia no topo da tabela, 0s013 melhor que Márquez. Viñales tinha o terceiro tempo, com Pol, Pirro, Petrucci, Rossi, Rabat, Dovizioso e Morbidelli aparecendo em sequência.

 

Morbidelli, então, foi a 1min34s039 e assumiu o quinto posto, mas perdeu uma posição na sequência, já que Aleix Espargaró colocou a Aprilia na quarta colocação.


Na reta final da sessão, Pirro, com um par de pneus macios, cravou 1min33s704 e saltou para o quarto posto, 0s551 mais lento que Quartararo, que tinha baixado por 1min33s153. 

 

Na volta seguinte, Fabio escapou da pista na curva 11, mas foi hábil para evitar a queda e seguir na sessão.


Pouco antes da bandeirada, Tito Rabat perdeu a traseira da Ducati e caiu depois de encontrar Jorge Lorenzo passeando pelo caminho. Pouco depois, Jack Miller também se acidentou.

 

Com o cronômetro zerado, ninguém conseguiu bater o tempo de Quartararo, que ficou com a liderança por 0s376 de vantagem para Márquez.

 


Previsão do tempo para Rimini
GP de San Marino Rimini
MotoGP 2019, GP de San Marino e Riviera de Rimini, Misano, treino livre 1:

1

F QUARTARARO

SIC Yamaha

1:33.153

 

2

M MÁRQUEZ

Honda

1:33.529

+0.376

3

M VIÑALES

Yamaha

1:33.599

+0.446

4

M PIRRO

Ducati

1:33.704

+0.551

5

A ESPARGARÓ

Aprilia Gresini

1:33.762

+0.609

6

P ESPARGARÓ

KTM

1:34.002

+0.849

7

F MORBIDELLI

SIC Yamaha

1:34.039

+0.886

8

D PETRUCCI

Ducati

1:34.149

+0.996

9

V ROSSI

Yamaha

1:34.182

+1.029

10

T RABAT

Avintia Ducati

1:34.261

+1.108

11

A DOVIZIOSO

Ducati

1:34.274

+1.121

12

A RINS

Suzuki

1:34.284

+1.131

13

J MIR

Suzuki

1:34.324

+1.171

14

F BAGNAIA

Pramac Ducati

1:34.374

+1.221

15

J MILLER

Pramac Ducati

1:34.487

+1.334

16

C CRUTCHLOW

LCR Honda

1:34.512

+1.359

17

T NAKAGAMI

LCR Honda

1:34.568

+1.415

18

J ZARCO

KTM

1:34.760

+1.607

19

A IANNONE

Aprilia Gresini

1:34.990

+1.837

20

M OLIVEIRA

Tech3 KTM

1:35.264

+2.111

21

J LORENZO

Honda

1:35.292

+2.139

22

K ABRAHAM

Avintia Ducati

1:35.320

+2.167

23

H SYAHRIN

Tech3 KTM

1:36.180

+3.027

 

 

 

 

 

REC

J LORENZO

Ducati

1:31.629

166.6  km/h

MV

F QUARTARARO

SIC Yamaha

1:33.153

163.3 km/h


Apoie o GRANDE PRÊMIO : garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.


Leia também