"Quarentemo" da Fresno mostra que a sofrência roqueira continua viva

Lucas Silveira comanda live da banda Fresno. Foto: reprodução/YouTube
Lucas Silveira comanda live da banda Fresno. Foto: reprodução/YouTube

Os emos de todo o Brasil provaram nesta quarentena que sofrência não é privilégio dos sertanejos. A live da banda Fresno emocionou um time numeroso de roqueiros sensíveis na noite da última sexta-feira (17), que levantaram a hashtag #QuarentEMO entre os assuntos mais comentados do Twitter e inundaram a timeline de lágrimas e memes.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário

Também pudera: foram sete horas de transmissão, com hits do grupo e até um cover melancólico de “Disk Me”, hit de Pabllo Vittar.

Leia também:

Até o vocalista Lucas Silveira entrou na zoeira e publicou uma fotomontagem em que aparece um homem chorando ao lado de um copo de cachaça, com a legenda: “Cenas reais do Brasil hoje”.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Sucessos como “Manifesto”, “Maré Viva” e “Quando eu Caí” abalaram o público, que já estava um tanto vulnerável em meio à pandemia do coronavírus e as medidas de isolamento social. Não sobrou pedra sobre pedra.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Nenhum motivo de vergonha, já que o próprio cantor precisou ser consolado pela mulher, Karen Jonz, em determinado momento da apresentação.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

O show ao vivo também provocou reflexões filosóficas na plateia. Um comentário deixado no canal da banda declarou: “Saudades da época em que só os emos eram tristes. Hoje em dia todo mundo é”.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Até Anitta aderiu à onda “quarentemo”. A cantora revelou que é fã raiz, pediu música (“Absolutamente Nada” e vibrou muito com o clima nostálgico.

“Vamos voltar ao passado! Pra quem não sabe, a gente era fã-clube Fresno. Quando a gente era adolescente, a gente sabia todas as músicas e usava franjinha colorida. Falta pouco, eu vou chorar! Cadê meu lenço?”, contou, nos Stories do Instagram.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

E quem não ficou com saudade da franjinha que atire a primeira pedra.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.