Quanto Fla e Flu lucraram com a venda de Gerson para a França?

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Acabou a novela. Após semanas de negociações e muitas idas e vindas, o Flamengo entrou em acordo e negociou o meio-campista Gerson com o Olympique de Marseille, da França. Com a transferência, o Rubro-Negro vai ganhar uma boa quantia, assim como o clube-formador do Coringa: o Fluminense.

Com o negócio, o Mais Querido vai embolsar ao menos cerca de 25 milhões de euros (R$ 153,5 milhões, na conversão de hoje). Além disso, o clube vermelho e preto também assegurou um alto percentual do camisa 8 – algo entre 20% e 25% – e, em contrato, selou metas que podem fazer o valor da transferência aumentar em até cinco milhões de euros.

Gerson vai deixar o Flamengo na segunda quinzena do mês que vem. | Pool/Getty Images
Gerson vai deixar o Flamengo na segunda quinzena do mês que vem. | Pool/Getty Images

O Fluminense, como clube-formador, também tem direito a uma fatia da venda. Conforme prevê o Mecanismo de Solidariedade da Fifa, o Tricolor das Laranjeiras tem direito a 2,5% do valor total da transferência de Gerson, ou seja, 600 mil euros (mais de R$ 3,5 milhões). A informação é do portal Saudações Tricolores.

Vale notar, também, que, por força de contrato, como os valores da negociação com o Olympique foram superiores aos que o Fla investiu para contratar Gerson, a Roma também vai faturar uma bolada. O Mais Querido vai ter que repassar 10% da diferença ao clube da Itália.

Contratado em meados de 2019, Gerson não demorou a se firmar no Flamengo. Versátil e identificado, o Coringa conquistou vários títulos com o clube, incluindo uma Conmebol Libertadores (2019) e dois Campeonatos Brasileiro (2019 e 2020). Agora, negociado, o meio-campista vai fazer suas últimas partidas com o manto rubro-negro.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.