Quais são os problemas e reforços do Paraná visando confronto decisivo na Série C

·1 minuto de leitura


Tendo 13 pontos conquistados e estando na 9ª posição do Grupo A, o Paraná estaria rebaixado caso a Série C do Brasileirão acabasse hoje. Entretanto, tendo mais três jogos para se realizar e enfrentando o Mirassol na próxima rodada (8° colocado com 16 unidades), a esperança ainda vive pelos lados da Vila Capanema.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

Para o embate decisivo do próximo domingo (12), às 18h (de Brasília), a equipe dirigida por Jorge Ferreira desde a demissão de Silvio Criciúma tem duas ausências e duas peças que voltam a ficar habilitadas.

No caso dos nomes que estão fora de combate, ambos os casos são relacionados a problemas disciplinares do terceiro cartão amarelo. Tanto o lateral-direito Alex Murici como o zagueiro Vinícius Guarapuava estavam pendurados na última rodada e, como foram amarelados diante do Criciúma, não jogam na próxima partida.

Por outro lado, estão novamente disponíveis depois de justamente estarem suspensos pelo terceiro amarelo diante dos catarinenses o meio-campista Kruguer e o atacante Gustavinho.

Enquanto o avante deve começar no banco de reservas, a tendência é que Kruguer ocupe a vaga que estava com Léo Pettenon no último jogo. Porém, Léo deve ser mantido no time, sendo deslocado para a zaga (sua posição de origem) como substituto de Vinícius Guarapuava.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos