PVC repudia provocação de jogadores no Gre-Nal: 'Que país vivemos?'

·2 min de leitura


Se para muitos as cenas de provocações no Gre-Nal 434 fazem parte da rivalidade gaúcha, o comentarista Paulo Vinícius Coelho não faz parte deste grupo. No programa 'Seleção SporTV' de hoje, PVC versou sobre a polêmica comemoração de jogadores do Internacional após a vitória que afundou o Grêmio no Z-4 do Brasileiro.

- Acho que o caixão passa do limite. É claro que as imagens do Gre-Nal foram para Europa. Todos os programas de esporte vão passar. O mundo está totalmente globalizado. É assustador você pensar que - mais no Brasil do que em outros lugares - a cada semana acontece uma confusão. Semana passada foi a torcida do Grêmio invadindo o campo e quebrando o VAR. No sábado, foi a briga de jogadores no Gre-Nal. São 21 expulsões nos últimos 17 clássicos. Passa do ponto - começou PVC.

+ Veja a posição do seu time na reta final do Brasileiro!


- Sobre o caixão, alguém vai dizer: 'Mas o Luan também pegou o caixão quando o Internacional estava caindo'. Ele está errado também! Um erro não justifica o outro. Acho o caixão além da conta. A imagem do Yuri Alberto com o bumbo, aquilo é a imagem de festa do Gre-Nal, aquilo é a rivalidade. 'Ganhamos do nosso maior rival! Eles podem ir para a segunda divisão!' Essa festa é absolutamente legítima. Agora, é de pensar: que país vivemos? Nesse que exporta a cada semana um tipo de briga? - completou o comentarista do Grupo Globo.

No Grenal 434, o Internacional acabou levando a melhor. Em confronto disputado na noite de sábado, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, no estádio Beira-Rio, a torcida do Colorado fez a festa com mais um vitória do clube na história do clássico. O triunfo foi por 1 a 0, com gol marcado por Taison, ainda na etapa inicial, complicando ainda mais o Tricolor que segue na penúltima colocação.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos