Puma pode fazer história e se tornar parceira do Barcelona para fornecimento de material esportivo

·1 minuto de leitura

Barcelona e Nike mantêm uma histórica parceria. A fornecedora de material esportivo trabalha junto ao clube catalão desde 1998 e, no momento, o contrato vai até 2026. Porém, a relação está estremecida, segundo o jornal Ara. E isso pode levar a um acordo com a Puma, que estaria interessada em "desembarcar" no Cam Nou.

Ter Stegen é o goleiro do Barça | David Ramos/Getty Images
Ter Stegen é o goleiro do Barça | David Ramos/Getty Images

A informação desta terça-feira dá conta de um desejo do Barça em rever o último acordo, firmado em 2016, que o colocou como a entidade esportiva mais bem paga do mundo. A direção blaugrana quer garantir mais capacidade de autogestão e decisão, tendo autonomia para explorar diferentes ramos de negócio.

Ansu Fati é esperança para a próxima temporada | Eric Alonso/Getty Images
Ansu Fati é esperança para a próxima temporada | Eric Alonso/Getty Images

No momento, a multinacional norte-americana paga 105 milhões de euros por temporada ao Barcelona. Dependendo de variáveis, este valor pode chegar a 155 milhões. Para a Puma, a princípio, isso não seria um entrave, uma vez que tem a vontade de seguir crescendo no segmento do futebol e estampar sua marca em equipes que são referência no esporte.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos