PSG fica no 1 a 1 com o Brugge na estreia de Messi como titular na Champions

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O astro argentino Lionel Messi estreou como titular em seu primeiro jogo com o Paris Saint-Germain na Liga dos Campeões, que terminou com um empate morno diante do Brugge (1-1) fora de casa, nesta quarta-feira pela primeira rodada do grupo A da Champions.

No primeiro jogo em que Messi, Neymar e Mbappé estiveram juntos em campo, foi o espanhol Ander Herrera quem abriu o placar para o PSG, aos 15 minutos, finalizando um cruzamento do jovem craque francês, enquanto o capitão Hans Vanaken empatou para o time belga (27).

"Precisamos de tempo para trabalhar, para que eles se entendam, para que façam coisas boas entre os três", disse o técnico do PSG Mauricio Pochettino após o jogo.

Sobre Messi, o treinador sublinhou: "Estou feliz com seu jogo, com a vontade que colocou, com a sua atitude e com a sua adaptação".

Em uma noite com clima de decisão, com os torcedores locais torcendo do primeiro ao 90º minuto, o Brugge não se intimidou diante do todo-poderoso PSG, que, como já havia advertido seu técnico Mauricio Pochettino na véspera, ainda tem um longo caminho a percorrer para se tornar uma equipe de verdade.

O trio ofensivo quase não teve oportunidade de triangular devido à pressão dos belgas e, sobretudo, a equipe francesa cometeu erros demais na defesa, que diante de um adversário mais forte poderia ter sido castigado com a derrota.

Os jogadores belgas saíram do estádio como heróis depois de serem ovacionados por seus torcedores, que festejaram o empate como se tivessem conquistado a vitória. Mais um sinal de que o PSG é o grande time a ser derrotado na Champions deste ano, apesar de seu início não ter sido muito empolgante.

"Temos de ser mais consistentes, cometemos muitos erros na primeira etapa e temos de ser mais fluidos no jogo", analisou Pochettino.

"Não creio que eles tenham nos dominado porque tivemos a posse de bola, mas houve momentos em que foram melhores", admitiu.

"Estou contente com o esforço da equipe, mas não foi uma boa noite, embora devamos manter a calma", insistiu o treinador.

Na outra partida do grupo A da Liga dos Campeões, o Manchester City, derrotou o RB Leipzig com um espetacular 6-3, com o qual a equipe do técnico Pep Guardiola se torna o líder da chave com 3 pontos, contra 1 de PSG e Brugge, e os alemães com zero.

mcd/dr/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos