Corinthians busca vitória convincente sobre La U após oscilações

São Paulo, 4 abr (EFE).- Após um início de temporada irregular, o Corinthians estreia na Copa Sul-Americana contra a Universidad de Chile com o objetivo de apresentar uma atuação convincente que sirva para acalmar os ânimos da torcida.

O trabalho do técnico Fábio Carille tem dado sinais de desgaste nos últimos jogos do Campeonato Paulista e os torcedores já começam a perder a paciência, principalmente após o empate em 0 a 0 com o Botafogo-SP na primeira partida das quartas de final do torneio.

O Timão também espera ir longe na Copa Sul-Americana para fazer caixa e evitar a perda de jogadores, como aconteceu nos dois últimos anos, o que debilitou o potencial da equipe.

Um dos destaques do time, o lateral-direito Fagner será desfalque devido à suspensão de dois jogos imposta pela Conmebol por ter sido expulso na Taça Libertadores no ano passado. A vaga deve ser ocupada por Léo Príncipe, que pouco a pouco ganha espaço.

Por outro lado, deve voltar à equipe o meia Rodriguinho, que se ausentou no último jogo por problemas musculares. Os zagueiros Pedro Henrique e Vilson, assim como o meia Danilo e o atacante Kazim são baixas confirmadas, enquanto Giovanni Augusto, Marquinhos Gabriel e Pedrinho serão dúvida até a última hora.

No lado chileno, a principal baixa será o lateral-esquerdo Jean Beausejour, que não se recuperou de uma lesão na perna direita sofrida no empate em 0 a 0 com a Universidad de Concepción, jogo em que teve que deixar o campo antecipadamente. A vaga deve ser ocupada por Franz Schltuz, de acordo com o treino de segunda-feira.

O elenco da La U reconhece que o desfalque do lateral, uma das estrelas do time, pode comprometer o desempenho da equipe no jogo de ida em São Paulo.

"É uma baixa tremenda, vai nos afetar neste jogo porque (Beausejour) tem experiência e sem ele nos ressentimos. Nestas partidas, sua capacidade aflora", comentou o goleiro e capitão do clube chileno, Johnny Herrera.

Para o goleiro, que teve uma curta passagem pelo Corinthians em 2006, a partida de quarta-feira terá um sabor especial.

"Jogar contra um ex-time sempre é especial. Apesar do pouco tempo que estive lá, tenho lindas lembranças. O Corinthians é a maior equipe do Brasil e é um desafio competir nesse nível", disse.

O ex-meia da seleção chilena David Pizarro, de 37 anos, que estava sendo utilizado no segundo tempo das partidas do Campeonato Chileno, foi incluído por Hoyos na lista de relacionados para o jogo contra o Corinthians.


Possíveis escalações:.

Corinthians: Cássio; Léo Príncipe, Pablo, Balbuena e Guilherme Arana; Gabriel, Camacho, Jadson e Rodriguinho; Romero e Jô. Técnico: Fábio Carille.

Universidad de Chile: Herrera; Rodríguez, Vilches, Gonzalo Jara e Schultz; Reyes, Espinoza e Lorenzetti: Rozas, Ubilla e Mora. Treinador: Guillermo Hoyos.

Árbitro: Darío Herrera (Argentina) auxiliado pelos compatriotas Ezequiel Brailovsky e Ariel Scime.

Estádio: Arena Corinthians, em São Paulo. EFE