Propostas por direitos de transmissão da Liga Europa não agradam e haverá novo 'round'; Disney no páreo

LANCE!
·1 minuto de leitura


As propostas pelos direitos de transmissão da Liga Europa, segunda maior competição de clubes do continente, não agradaram a Team, agência de marketing que fecha acordos das competições da Uefa. Por isso, a empresa prepara um "segundo round" pela competição, que ainda não tem exibição garantida no Brasil a partir da temporada 2021/22. A informação é do jornalista Gabriel Vaquer, do "UOL".


>> Veja a tabela da Europa League


O Grupo Disney, atual detentor do contrato, foi um dos que fizeram proposta. A empresa tem interesse em renovar o acordo por entender que a Europa League consegue bons índices e tem muitos jogos para distribuir em seus canais de esporte e plataformas de streaming. A transmissão do torneio, inclusive, "caiu no colo" da Disney, já que a Fox Sports, dona do contrato desde 2018, foi assumida pelo Grupo e houve a fusão com a ESPN.

A Team até tem o desejo de colocar a Liga Europa em TV aberta assim como fez com a Champions League, mas vê a missão como algo bem difícil por conta da falta de interesse de canais abertos no Brasil. A última vez foi na temporada 2011/2012, quando a RedeTV! exibiu a competição para todo o país.