Promessa de Gana resolve com dois gols e complica a Coreia do Sul

DOHA, CA, 28.11.2022 -  Partida entre Coréia do Sul e Gana, válida pela fase de grupos da Copa do Mundo do Qatar 2022, realizada no estádio Education City, em Doha, no Qatar. (Foto: Juan Antonio Sánchez/Fotoarena/Folhapress) ORG XMIT: 2300579
DOHA, CA, 28.11.2022 - Partida entre Coréia do Sul e Gana, válida pela fase de grupos da Copa do Mundo do Qatar 2022, realizada no estádio Education City, em Doha, no Qatar. (Foto: Juan Antonio Sánchez/Fotoarena/Folhapress) ORG XMIT: 2300579

MACEIÓ, AL (FOLHAPRESS) - Kudus, de 22 anos, provou nesta segunda-feira (28) porque é uma das esperanças para o futebol ganês. A seleção africana teve a vantagem de 2 a 0 na partida, mas sofreu o empate da Coreia do Sul, melhor no jogo a partir dali. O meia, porém, resolveu o jogo aos 22 minutos, com um bonito chute de canhota.

Agora, Gana mantém vivas as chances de classificação às oitavas de final nesta Copa do Mundo, com três pontos conquistados —o time foi derrotado por Portugal na primeira rodada, em um jogo disputado. A Coreia do Sul esboçou a reação com o atacante Cho Gue-sung, autor de dois gols.

Para o país asiático, no entanto, a situação se complica. O time é o último do Grupo H, com somente um ponto, conquistado contra o Uruguai na primeira rodada, e enfrenta Portugal na próxima sexta-feira para definir a vaga.

A Coreia do Sul pressionou bastante no fim da partida, criando oportunidades principalmente pelo lado esquerdo do ataque, mas não conseguiu transformar o domínio em gols.

Kudus esteve envolvido em uma polêmica com Neymar antes da Copa do Mundo. O jornal inglês "The Guardian" publicou uma matéria em que o jogador teria dito que o astro brasileiro "não é melhor" que ele. A declaração ganhou as redes sociais, mas o jogador tratou de desmenti-la antes da estreia, contra Portugal.

"Minha família e cultura me ensinaram a respeitar os mais velhos. Neymar, assim como, Thiago Alcântara e muitas lendas nos inspiraram a sonhar. Assim como Neymar, eu quero humildemente inspirar a próxima geração como eles fizeram", escreveu ele.

Os jogadores se encontraram em campo em um amistoso entre as seleções e até bateram boca, mas o Brasil saiu de campo vencedor com um 3 a 0 tranquilo.

O fato é que Kudus foi descoberto em uma academia de futebol em Gana ainda criança e, desde então, caminhou para se tornar um dos astros do país. Antes de completar 18 anos, ele se transferiu para a Noruega e depois para o Ajax, no ano passado. Ele recebeu uma proposta do Everton após a saída de Richarlison, mas o time holandês preferiu segurá-lo, aguardando uma valorização nesta Copa do Mundo.

Por enquanto, o plano vai dando certo.

*

COREIA DO SUL

Kim Seunggyu; Kim Moonhwan, Kim Minjae (Kwon Kyung-Won), Kim Younggwon e Kim Jinsu; Jung (Hwang Ui-Jo) e Hwan; Kwon (Lee Kang-In), Jeong (Na Sang-Ho) e Son; Cho Guesung. T.: Paulo Bento

GANA

Ati-Zigi; Lamptey (Odoi), Amartey, Salisu e Mensah (Rahman Baba); Partey, Abdul-Samed e Kudus (Djiku); André Ayew (Kyereh), Jordan Ayew (Sulemana) e Iñaki Williams. T.: Otto Add

Local: Estádio Education City, em Doha (Qatar)

Árbitro: Anthony Taylor (Inglaterra)

Assistentes: Gary Beswick (Inglaterra) e Adam Nunn (Inglaterra)

VAR: Kevin Ortega (Peru)

Público: 43.983

Cartões amarelos: Amartey (GAN), Jung Woo-Young (COR), Lamptey (GAN), Kim Young-Gwon (COR)

Cartão vermelho: Paulo Bento (COR)

Gols: Salisu (23' 1ºT - GAN), Kudus (34' 1º T - GAN), Cho Gue-Sung (12' e 15' 2º T - COR), Kudus (23' 2º T - GAN)