Produtora de conteúdo esportivo de Tom Brady desembarca no Brasil

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·4 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


Em campo, Tom Brady e Michael Strahan produziram alguns dos momentos mais memoráveis da história do futebol americano. Fora deles, a dupla criou, juntamente a Gotham Chopra, a produtora Religion of Sports, especializada em conteúdo de mídia esportiva, e vencedora do Emmy com a série Tom vs. Time. Agora, a Religion of Sports aterrissa em solo brasileiro, através de parceria com a Adventures, brandtech brasileira.

- O Brasil é um dos maiores países do mundo esportivo, mas ainda não é explorado em termos de entretenimento baseado em esportes. Acreditamos que os esportes fornecem uma linguagem universal por meio da qual podemos compreender a nós mesmos e a questões importantes de nosso tempo. A parceria com a Adventures apoia os nossos esforços para expandir a Religion of Sports para novos mercados e trazer nossa perspectiva única de contar histórias para públicos em todo o mundo – disse Ameeth Sankaran, CEO da produtora americana.

A Adventures já se aventura pelo campo esportivo no Brasil, estando a associadas como nomes de impacto tanto no país quanto no mundo, como o surfista Gabriel Medina; que está em busca do seu tricampeonato mundial da WSL nesta sexta-feira; o zagueiro Thiago Silva, do Chelsea e Seleção Brasileira, a skatista Leticia Bufoni, um fenômeno das redes sociais após participação nas Olimpíadas e seis vezes medalha de ouro no XGames, entre outros.

- Estamos prontos para liderar a produção de conteúdos originais no Brasil e traduzir o ethos ‘Why Sports Matter’, da Religion of Sports, em um país onde o esporte representa um mundo de oportunidades para atletas e que gera uma forte conexão entre as pessoas. Temos a oportunidade de trazer protagonismo para outras frentes além do futebol e ampliar o olhar sobre temas esportivos, indo além do que é pauta no noticiário. Por meio do entretenimento, podemos retratar histórias e temas importantes sob uma óptica valiosa para conectar o público não apenas com grandes atletas, mas também marcas e creators em sinergia - destaca a sócia e Executive Producer da Adventures, Olivia Chiesi.

Vencedora do Emmy

Fundada em 2016, a Religion of Sports ganhou, em 2019, o seu primeiro Emmy com a série Tom vs. Time, transmitida via Facebook Watch, faturando a estatueta na categoria documentário esportivo em série. Tom vs. Time aborda momentos únicos da conquista do sexto anel do Super Bowl por Tom Brady. O quarterback discute a preparação mental que envolve cada jogo de futebol americano, que demanda tanto esforço quanto o treinamento físico, as relações sociais com seus companheiros de equipe, e seus trabalhos em cada temporada para vencer sua batalha contra o tempo. Hoje, aos 44 anos, TB12 segue atuando em bom nível na NFL, tendo vencido seu sétimo título na liga em fevereiro deste ano.

No catálogo de produções da Religion of Sports, também se encontram outras produções de destaque, como a batalha de Simone Biles consigo mesma enquanto se prepara para os Jogos Olímpicos de Tóquio em Simone vs. Herself ou o posicionamento social dos jogadores da NBA em Shut up and Dribble (Cale a Boca e Quique a Bola, em tradução livre).

- Essa parceria tem como foco a criação de conteúdo original premium conectado ao mercado de esportes brasileiro, em grande parte inexplorado embora seja uma parte culturalmente relevante da vida e hábitos diários da nossa sociedade - relata o sócio e Managing Director of Original Content da Adventures, Sergio Floris.

Brady e Strahan

Em campo, Tom Brady, QB, e Michael Strahan, edge, foram dois dos maiores jogadores de futebol americano da história. Com Brady ainda construindo capítulos em sua rica história como um dos maiores quarterback de todos os tempos. Os dois se enfrentaram no histórico Super Bowl da temporada 2008, quando o New York Giants, de Strahan, chocou o mundo e impediu que Brady e os Pats fossem campeões invictos.

Michael Strahan encerrou a carreira logo após essa vitória, onde ele teve dois tackles e um sack em cima do hoje parceiro comerical. O pass rusher foi eleito o melhor jogador defensivo da NFL em 2001, quando estabeleceu o recorde da liga de sacks em uma mesma temporada – 22.5. Título que ainda é detentor após 20 anos. Ele foi eleito para o Hall da Fama do esporte em 2014.

Tom Brady dispensa apresentações. O atleta uma lenda viva do esporte e tido como o maior jogador de futebol americano de todos os tempos por alguns especialistas. O quarterback é o maior vencedor da história da NFL, com sete conquistas do Super Bowl, a mais recente em fevereiro deste ano, após deixar o New England Patriots rumo ao Tampa Bay Buccaneers. Sua longevidade em um esporte que a vida útil média é de apenas três anos impressiona a qualquer um. Aos 44 anos, segue acumulando recordes, vitórias e queixos caídos de quem o acompanha.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos