Primo de lateral do United é morto ao tentar assaltar ex-policial

Geronimo Rojo, primo do lateral-esquerdo e zagueiro argentino Marcos Rojo, do Manchester United, foi baleado enquanto tentava um assalto em La Plata, na Argentina. O atirador é o ex-policial Guilermo Atencio.

No domingo à noite, de acordo com a polícia, Geronimo, de 17 anos, e um companheiro tentaram assaltar o chefe de polícia aposentado Guilermo Atencio enquanto este deixava a área de um caixa eletrônico em São Carlos.

A vítima, no entanto, respondeu ao assalto puxando uma arma de fogo e disparando contra os dois assaltantes um total de sete tiros, enquanto Rojo e Rodrigo Barboza tentavam fugir em uma motocicleta.

Barboza foi atingido na cabeça e morreu na mesma hora, enquanto Rojo acabou baleado no ombro, foi levado ao hospital, mas não conseguiu se recuperar dos ferimentos e faleceu às 5h de segunda-feira, horário local.

Atencio foi preso no local e encaminhado para a delegacia mais próxima sob suspeita de assassinato, já que os dois garotos foram alvejados pelas costas, já deixando a área. Na Terça-feira, porém, o oficial de justiça foi liberado após julgamento de que “usou, no máximo, de força excessiva em sua auto-defesa”.