Primeiro regulamento do futebol é vendido por mais de US $ 77 mil em Londres

·1 minuto de leitura
Uma foto sem data divulgada pela casa de leilões Sotheby's mostra as Regras, Regulamentos e Leis do Sheffield Foot-Ball Club

Uma das únicas duas cópias conhecidas das primeiras regras escritas do futebol, elaboradas pelo clube inglês Sheffield em 1858, foi vendida em um leilão por 56.700 libras (US $ 77.200) nesta terça-feira (20) em Londres, informou a Sotheby's.

Esse valor está na faixa estimada pela casa de leilões, de 50.000 a 70.000 libras.

É uma das duas cópias conhecidas da primeira edição do regulamento do futebol, com base no qual o esporte moderno foi desenvolvido. Foi impresso pelo Sheffield, fundado em 1857 e considerado o clube de futebol mais antigo do mundo, informou a Sotheby's.

O livreto de 16 páginas e em boas condições foi encontrado em um álbum da era vitoriana contendo souvenirs do Sheffield.

Além de oferecer uma primeira versão codificada deste esporte, também inclui a evolução das regras, com anotações manuscritas e uma apostila impressa destacando a proibição de "socar" ou "empurrar" a bola com a mão, o que era permitido anteriormente.

"O clube desempenhou um papel crucial no desenvolvimento do jogo moderno: introduziu nas regras do jogo os conceitos de escanteio, lateral e tiro livre indireto", ressaltou a casa de leilões.

O livreto inclui a assinatura a lápis de William Baker, um dos melhores jogadores do Sheffield e membro de seu comitê, que aprovou a versão final do regulamento em 21 de outubro de 1858.

Este foi impresso no ano seguinte e distribuído a todos os sócios do clube, de acordo com a casa de leilões.

O único outro exemplar conhecido estava nos arquivos do clube, que foram vendidos em julho de 2011 por 881.000 libras.

mpa-acc/gh/mr

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos