Presidente do STJD não estipula data para análise de pedido, e Flamengo x Grêmio deve ter torcida

·1 minuto de leitura


O presidente do STJD, Otávio Noronha, revelou que ainda não há data para analisar o pedido dos clubes para suspender a liminar do próprio tribunal que atende o pedido do Flamengo para ter público em três jogos que servirão como eventos-teste, depois da liberação da Prefeitura do Rio.

> ATUAÇÕES: Michael marca duas vezes e recebe a maior nota do Flamengo

- Irei analisar ainda. Ainda não (há data). Nós temos pautas definidas. Não faremos uma extraordinária, (segue) rito normal - disse Otávio Noronha, presidente do STJD, ao portal "ge".

O Flamengo, respaldado pela liminar do STJD e da autorização da Prefeitura do Rio de Janeiro, já iniciou a venda de ingressos para a partida contra o Grêmio, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Confira os valores e informações aqui.

> Veja as chaves da Copa do Brasil

Para esse jogo, a liberação da Prefeitura é de 24.783 lugares, cerca de 35% da capacidade do estádio. Ainda há mais dois eventos-teste previstos: contra o Grêmio, pelo Brasileirão no dia 19 de setembro, e contra o Barcelona (EQU), pela Libertadores no dia 22. Ambos serão no Maracanã e com uma liberação gradual do público: 28.324 lugares (cerca de 40% da capacidade total do estádio) e, posteriormente, 35.045 lugares (aproximadamente 50% do Maraca).

*Matéria atualizada às 16h22.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos