Presidente do Paraguai quer Copa do Mundo em cidade na fronteira com a Argentina

Presidente do Paraguai Mario Abdo Benítez (Foto:Reprodução/TV)


O presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, afirmou nesta sexta-feira que a cidade de Encarnación, na fronteira do país com a Argentina, poderia ser uma das sedes da Copa do Mundo de 2030, que as duas nações postulam sediar junto com o Chile.

-Esperamos que uma das sedes seja aqui, em Encarnación. - disse o chefe de Estado, em entrevista coletiva concedida na cidade, capital da província de Itapúa, que fica a cerca de 280 quilômetros de Assunção.

Abdo Benítez se referiu especificamente ao já construído estádio Villa Alegre, que tem capacidade para 16 mil pessoas. A expectativa é ampliá-lo para receber 30 mil espectadores, com investimento de US$ 10 milhões (R$ 53,4 milhões).

Os recursos seriam injetados pela Entidade Binacional Yacyretá (EBY), empresa que opera a represa hidroelétrica que é compartilhada por Paraguai e Argentina.

Os dois países e o Chile lançaram, no último dia 11, um órgão conjunto, a Corporação Juntos 2030, que visa promover e desenvolver a candidatura tripla para a Copa que ocorrerá daqui oito anos.