Presidente do Internacional revela planejamento para elenco visando a próxima temporada

Mandatário falou sobre planos do clube para o próximo ano (Ricardo Duarte/Divulgação/Internacional)


O presidente do Internacional, Alessandro Barcellos, em entrevista ao portal 'ge', disse que a prioridade no planejamento de formação do elenco para 2023 é conseguir manter a base do plantel atual.

>Quanto de premiação vale cada posição do Brasileirão?

Segundo o dirigente, a manutenção do grupo traz mais segurança na busca por reforços pontuais, que deverão chegar para a próxima temporada.

- É o primeiro passo, a manutenção de grande parte do plantel. Facilita o planejamento do ano que vem. Trabalhamos também para fazer acréscimos que deem competitividade. Já vimos que o grupo tem qualidade. Mas a competitividade tem que ser maior em todas as posições.

+ D'Ale na lista: veja os estrangeiros com mais gols na história do Brasileirão

Dentro desse raciocínio, as situações envolvendo o zagueiro Vitão e o atacante Wanderson passam por análise mais intensa do que a ida no mercado por reforços. Os dois casos, aliás, foram comentados por Barcellos.

- (Sobre o) Wanderson, o momento, a opção, as cláusulas e prazo serão obedecidos dentro do interesse do Inter. O Vitão tem contrato e uma condição para buscar a renovação. São contratos diferentes, formas diferentes de negociação. Uma já com valores e condições acertadas e outra ainda a ser construída.

Dentro das quatro linhas, o Inter segue com chances matemáticas de título no Brasileirão, apesar da distância de dez pontos para o líder, o Palmeiras. Para seguir assim até a última rodada, onde ocorre o confronto direto, no Beira-Rio, o Colorado precisa vencer os três próximos jogos (América-MG, Athletico-PR e São Paulo) e o time paulista perder nas mesmas rodadas frente a Fortaleza, Cuiabá e América-MG.