Presidente da Uefa acredita que decisão de encerrar campeonatos sem um vencedor foi precipitada


O presidente da Uefa, Aleksander Ceferin, disse que a decisão de encerrar campeonatos nacionais sem um vencedor foi uma medida "prematura". Em entrevista ao canal "beIN Sports", o mandatário afirmou que o ideal era que os torneios fossem finalizados em campo. A França foi um dos países a realizar esta ação.

- Para nós, o importante é saber quem é campeão, segundo, terceiro e quarto. Minha opinião sobre o cancelamento da temporada tão cedo não é o ideal, porque muitos provaram que você pode jogar, com exceção de alguns campeonatos. Mas cabe ao governo dizer o que os clubes podem fazer.

Por decisão do governo, na França não poderão ter eventos esportivos até o mês de setembro. Isto implica diretamente na Liga dos Campeões, que deve ser disputada em agosto. O PSG está nas quartas de final e o Lyon, se eliminar a Juventus, também ficará entre os oito melhores.

- Não vejo por que as autoridades francesas proibiriam uma partida sem espectadores (na Liga dos Campeões).

Se o governo francês não reverter a situação, os clubes podem até jogar fora do país.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também