Presidente da La Liga afirma que gostaria que o futebol voltasse apenas no dia 12 de junho


O presidente da La Liga, Javier Tebas, explicou neste domingo (10) os detalhes sobre o retorno da primeira e segunda divisão da Espanha. Ao programa 'El Partidazo de Movistar', no canal #Vamos, ele disse que ainda não sabe a data que os jogos voltarão.

- Não sei quando o futebol voltará. Não sei se a data mais provável é 19 de junho. Gostaria que fosse 12 de junho. Vai depender dos picos e contágios - declarou.

- Haverá partidas todos os dias durante um mês. Se todos cumprirmos os regulamentos de saúde, jogadores, técnicos etc, não teremos nenhum problema. O futebol não é um esporte em que a doença possa ser facilmente transmitida. O coronavírus não é transmitido pelo suor, é principalmente pela saliva. O risco será praticamente nulo, eu diria que não há nenhum quando se trata de jogar as partidas. Um estudo realizado pela Universidade da Dinamarca e outro na Alemanha garante que os jogadores permaneçam a um metro um do outro por até 67 segundos nas partidas - completou.

Tebas afirmou que haverá testes 24 horas antes dos jogos e disse que há mais riscos em casa do que nos jogos.

- 24 horas antes do jogo, os jogadores serão testados. Há mais riscos em casa do que nos jogos. Não vejo riscos, porque estou confiante de que os padrões sanitários serão seguidos. Acho que vamos começar a competição sem nenhum infectado. Se as coisas forem bem feitas, não haverá nenhum. Peço aos jogadores de futebol a máxima atenção para cumprir os protocolos - afirmou.

De acordo com ele, a Primeira e a Segunda Divisão da Espanha iniciarão juntas e a Liga dos Campeões já tem data marcada.

- A Primeira e a Segunda Divisão iniciarão simultaneamente. O play-off de promoção da La Liga Smartbanko será mantido. A Liga dos Campeões e a Liga Europa estão programadas para retomar em agosto - revelou.













Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também