Presidente da França afirma que esporte não deve ser politizado

Emmanuel Macron é o atual presidente da França (Foto: Christian Hartmann/AFP)


Nesta quinta-feira, o presidente da França Emmanuel Macron declarou que manifestações políticas devem ser evitadas durante a Copa do Mundo do Qatar. Em entrevista coletiva após a cúpula da Cooperação Econômica Ásia-Pacífico (APEC) em Bangcoc, o líder francês afirmou que “o esporte não deve ser politizado” e que críticas sobre o histórico do país árabe.


- Esse questionamento deve ser feito durante a decisão sobre a sede do evento, seja Copa do Mundo ou Olimpíadas. Não é necessário contestar essa escolha na hora do evento - comentou.

+ Conheça os estádios da Copa do Mundo 2022

- A vocação destes grandes eventos é permitir que atletas de todos os países, inclusive países em guerra, encontrem, através do esporte, formas de discutir onde as pessoas não têm voz - completou Macron.

+ Veja o simulador da Copa do Mundo e dê seus palpites até a final

A Copa do Mundo deste ano está repleta de polêmicas envolvendo o país-sede, que é extremamente rigoroso em certas restrições. Apesar disso, o torneio se inicia no próximo domingo, 13h (de Brasília), com o duelo entre os donos da casa e Equador.