Presidente da Fifa presta homenagem a Maradona: 'Nós te amamos'

Gianni Infantino homenageou Maradona nesta sexta-feira (JUAN MABROMATA / AFP)


Dois anos após a morte de Diego Maradona, Gianni Infantino, presidente da Fifa, participou de um evento em homenagem ao maior ídolo do futebol argentino. Nesta sexta-feira, o italiano relembrou a passagem do histórico camisa 10 da Albiceleste durante a solenidade.

- Eu sempre disse e posso repetir: o que Diego fez pelo futebol, por fazer todos nós apaixonados por este esporte, é único. Diego merece nossa eterna gratidão por nos entreter com seu incrível talento. Por ter sido Diego Armando Maradona, uma lenda, um herói e um homem. Diego é eterno. Descanse em paz, querido. Nós te amamos.

> Veja o que Lautaro Martínez comentou sobre a "decisão" contra o México

Durante coletiva de imprensa, Lautaro Martínez, atacante da Argentina, também comentou sobre a data de falecimento de Maradona. O camisa 22 afirmou que irá buscar uma vitória contra o México, neste sábado, para homenagear o maior jogador que já vestiu o uniforme da Albiceleste.

- Temos Diego muito presente. Lembramos dele da melhor maneira, é um dia triste para todos nós. Espero que amanhã possamos dar uma alegria a ele.

Em 1986, Maradona foi o grande protagonista na conquista da segunda Copa do Mundo da história da Argentina. O atleta também chegou na final em 1990, onde foi derrotado diante da Alemanha. Além da grande carreira como jogador, o ídolo comandou a equipe no Mundial de 2010.