Presidente da Federação Francesa se manifesta após polêmica com Zidane

Presidente da Federação Francesa pede desculpas à Zidane (Foto: Divulgação/Real Madrid)


O presidente da Federação Francesa, Noel Le Graet, se manifestou nesta segunda-feira após suas fortes declarações a respeito de Zidane. Em nota à ‘AFP’, o diretor pediu desculpas ao treinador e colocou suas falas como um ‘mal entendido’.

- Esses comentários estranhos criaram um mal entendido. Gostaria de me desculpar pessoalmente por esses comentários que não refletem em nada meus pensamentos, nem minha consideração pelo jogador que foi e pelo treinador que se tornou - declarou o presidente.

+ Técnico do Al-Nassr compara Cristiano Ronaldo com Pelé

Após o anúncio da renovação do técnico Didier Deschamps com a França, o presidente comentou sobre Zidane, que teve seu nome considerado pela seleção francesa e a do Brasil. Noel Le Graet afirmou não estar preocupado com a situação do ídolo francês.

- Eu ficaria surpreso se ele fosse para lá (Seleção Brasileira), mas ele faz o que quer e isso não me diz respeito. Nunca pensamos em nos separar de Didier (Deschamps). Ele pode ir para onde quiser, um grande clube, uma seleção. Eu quase não acredito no que diz respeito a ele. Se Zidane tentou entrar em contato comigo? Claro que não. Eu nem teria pegado no telefone - disse o presidente da federação em entrevista à ‘RMC’.

As declarações do presidente repercutiram e foram criticadas pelo mundo do futebol. O Real Madrid e o astro francês do Paris Saint-Germain, Mbappé, chegaram a sair em defesa de Zidane.