Presidente da Federação Francesa diz estar 'decepcionado' com eliminação na Eurocopa

·1 minuto de leitura
O técnico da França, Didier Deschamps, durante a partida com a Suíça pela Eurocopa

O presidente da Federação Francesa de Futebol (FFF), Noël Le Graët, declarou nesta terça-feira que estava "muito decepcionado" com a eliminação da sua seleção nas oitavas de final da Eurocopa, após a disputa de pênaltis diante da Suíça, mas fez questão de destacar "que a derrota não compromete o futuro do treinador, Didier Deschamps".

Ao ser questionado se essa eliminação mudou algo em relação a Deschamps, com contrato até a Copa do Mundo de 2022, Le Graët respondeu que "não, acho que não".

“Não devemos confundir as coisas, teremos de conversar”, acrescentou.

"Tenho muito carinho por ele, conheço as dificuldades do futebol", continuou.

Quando perguntado sobre o teor da conversa com o treinador, ele encolheu os ombros e disse que diria "um alô".

"Com 3 a 1 pensei que estava resolvido, obviamente estou muito decepcionado", sobre a eliminação da França, favorita da competição e que desperdiçou uma vantagem de dois gols dez minutos antes do final da partida.

"Perdemos o último pênalti, não chegar às quartas de final é uma decepção, mas como disse, são os caprichos do futebol, todo mundo vai dizer isso", concluiu o dirigente.

dec-cto/gf/gh/iga/lca

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos