Presidente do Barcelona afirma que Superliga é uma necessidade

LANCE!
·1 minuto de leitura


Joan Laporta, presidente do Barcelona, afirmou que a criação da Superliga segue sendo uma necessidade. Em entrevista à "TV3", o mandatário disse que está aberto a realizar um diálogo com a Uefa e acredita que pode haver um entendimento entre as partes.

- É absolutamente indispensável que os clubes grandes se manifestem quanto a distribuição econômica. Apoiamos as ligas nacionais e vamos conversar com a Uefa. É uma necessidade, mas os sócios terão a palavra final.

Javier Tebas, presidente da La Liga, rebateu as declarações do mandatário blaugrana em coletiva de imprensa da La Liga nesta quinta-feira.

- Há algumas semanas, durante a campanha eleitoral, Laporta pensava de outra maneira e agora parece o máximo defensor (da Superliga). A Superliga está praticamente morta. Ele deve se concentrar nos problemas financeiros do Barcelona que deve gerenciar.

Na última quarta-feira, Florentino Pérez, presidente do Real Madrid, afirmou que a Superliga não havia acabado. No entanto, 10 dos 12 clubes fundadores publicaram notas afirmando que estariam deixando o projeto após o protesto dos fãs.