Presidente do América-MG mira fase de grupos da Libertadores na próxima temporada

Time alviverde ficou a um gol de disputar a principal competição do continente - (Foto: Mourão Panda/América-MG)


Apesar da boa campanha no Brasileirão, o América-MG terminou a competição com um semtimento de frustração. Afinal de contas, o time mineiro, que conquistou uma vaga na Copa Sul-Americana, ficou a um gol de disputar a Libertadores, pelo segundo ano consecutivo.

Até por isso, após a partida contra o Atlético-GO, pela última rodada do Campeonato Brasileiro, o presidente do clube, Marcus Salum, revelou que o resultado frustra, mas impulsiona a "querer mais" nos próximos anos.

- A sensação de não ter conseguido me impulsiona mais a querer. Essa sensação de hoje, que vai doer por alguns dias, mostra o que a gente tinha que fazer e não conseguiu. É um aprendizado. Só aprende quem perde - declarou o dirigente americano.

Em seguida, Salum traçou o objetivo do Coelho na próxima temporada. O dirigente deseja evoluir, para chegar à fase de grupos da Libertadores em 2024.

- Ano que vem, espero que a gente possa dar um passo a mais, entrar direto na fase de grupos da Libertadores - complementou.

Vale lembrar que, na temporada passada, o América chegou a disputar a fase de grupos da competição continental, mas depois de passar pelas etapas preliminares. Em 2023, além da Sul-Americana, o Coelho terá o Campeonato Mineiro, a Série A e a Copa do Brasil em disputa.