Presencial, virtual ou híbrida? Candidatos e poderes do Vasco tentam acordo sobre eleição

Felippe Rocha
·1 minuto de leitura


O Vasco terá uma reunião importante no fim da tarde desta terça-feira. Os cinco candidatos mais os poderes do clube vão se encontrar em São Januário para tentarem chegar num consenso sobre o formato da eleição marcada para este sábado. E o pleito pode até ser adiado.

Alexandre Campello, atual mandatário e que concorre à reeleição estará com Julio Brant, Jorge Salgado, Luiz Roberto Leven Siano e Sérgio Frias. São mandatários dos outros poderes Roberto Monteiro (Conselho Deliberativo), Faues Mussa (Assembleia Geral), Silvio Godoi (Conselho de Beneméritos) e Edmilson Valentim (Conselho Fiscal).

Especialmente Campello e Mussa têm divergido de forma mais veemente e pública nas últimas semanas, e a judicialização do pleito é um temor geral. A forma da votação - presencial ou on-line - gera discussão entre as partes, principalmente sobre a segurança eletrônica e a proteção às pessoas do grupo de risco da Covid-19.

Em caso de confirmação da mudança no formato atual - está previsto para ser presencial, em São Januário, mas Mussa e correntes do clube entendem ser melhor se on-line -, é possível que haja mudança na data da votação. A organização pode demandar mais tempo do que o hábil até este sábado, data para a qual o pleito está inicialmente marcado.