Preocupação no Liverpool: Fabinho fora do Mundial

Pelo menos, o Liverpool mostrou seus poderes de recuperação. Contra o Napoli, perdendo por 1 a 0, a equipe garantiu o empate com um cabeceio de Dejan Lovren no segundo tempo. Mesmo assim, Klopp não saiu contente.

Eles continuam sendo donos de seu próprio destino na Liga dos Campeões. Se não perderem para o Salzburg no próximo dia 10 de dezembro, estarão nas oitavas de final. Se vencerem, se classificarão como líderes do Grupo E. 

Então, por que a feição de Klopp?

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Bem, ficou claro que queríamos terminar esta noite", disse o treinador dos Reds. "Mas isso é futebol; você nem sempre obtém o resultado desejado".

Se alguns empates podem parecer vitórias, outros parecem derrotas. Este, caiu na última categoria.

O Liverpool não apenas falhou em se classificar - como também perdeu um jogador importante por lesão.

Fabinho deixou o estádio com o tornozelo esquerdo em uma bota protetora após um choque acidental com Lozano, atacante do Napoli.

Fabinho Liverpool PS
Fabinho Liverpool PS

O atleta estará fora até o ano novo - isto significa que Fabinho perderá o Mundial de Clubes da Fifa.

Sorte para o Flamengo, que poderá enfrentar os Reds desfalcados de um dos seus principais atletas.

E para o RB Salzburg, também. Klopp certamente não vai querer ir para Salzburgo e enfrentar o artilheiro Erling Braut Haaland sem sua principal meiocampista.

Klopp já tem outras preocupações. Ele está sem Joel Matip devido a lesão e precisa encontrar uma maneira de escalar sua dupla de zaga.

Ele também gostaria de ver Joe Gomez encontrar alguma confiança e melhorar seu desempenho, ou de que Mohamed Salah retomasse seu toque de ouro perto da área.

E ele adoraria que sua equipe também melhorasse o registro defensivo.

O Liverpool já disputou 22 jogos em todas as competições nesta temporada, e só não sofreu gols em três deles. Nenhum deles aconteceu em Anfield.

Alisson Becker ficou 27 jogos sem sofrer gols na última temporada; ele ainda não teve um "clean sheet" neste ano.

Claro - apenas o Leicester sofreu gols menos que o Liverpool na Premier League nesta temporada - mas eles estão tendo que marcar pelo menos dois tentos para vencer os jogos no momento. Eles são mais do que capazes de fazer isso, mas preferem não precisar - pelo menos não toda semana.

"Não podemos continuar fazendo isso", disse Andy Robertson após a vitória sobre o Crystal Palace no fim de semana passado.

"Você está lutando contra seu corpo", disse Wijnaldum após a dramática vitória diante do Aston Villa. "É difícil, muito difícil."

Georginio Wijnaldum Liverpool 2019-20
Georginio Wijnaldum Liverpool 2019-20

Talvez sejam pequenas queixas, dada a campanha do Liverpool neste ano. Como você pode argumentar com um time que possui 37 pontos em 39 possíveis nesta temporada e conquistou 101 nos últimos 38 jogos da Premier League?

"Sempre tivemos isso", disse Klopp aqui. "Estou aqui há quatro anos, me diga quando foi fácil?".

Ele tem razão. O Liverpool está acostumado a jogar no limite, seja na Liga dos Campeões ou na busca pelo título da Premier League.

Contra o RB Salzburg em quinze dias, eles devem andar na corda bamba mais uma vez.

O que Klopp não faria por uma "Clean Sheet" na Red Bull Arena...

Leia também