Prefeitura de São Paulo lança programa para combater abuso sexual nos centros esportivos


A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME) lançou nesta terça-feira, no Museu do Futebol, o Clube Amigo da Criança. O objetivo é implementar diretrizes de proteção integral à criança e ao adolescente nos centros esportivos municipais, transformando-os em espaços seguros e acolhedores, que sejam livres de exploração, negligência e violência.

Na primeira fase do projeto, serão beneficiadas 2.000 crianças e adolescentes de dez centros esportivos. Foram capacitados gestores, coordenadores de clubes e professores, numa total de 210 servidores públicos. A ex-jogadora de vôlei Fofão é madrinha do programa. A meta é beneficiar cerca de 19 mil crianças.

- O secretário está deixando um legado sensacional para a coletividade da cidade de São Paulo, pois cuidará incisivamente das crianças que praticam esporte nos centros esportivos municipais - disse Marcos Antônio, representante do Santo Amaro ao LANCE!.

Foram escolhidos dez clubes da SEME identificados com um maior grau de vulnerabilidade à questão: Brasilândia, Jardim Cabuçu, Vila Perus, Vila Santa Catarina, Santo Amaro, Campo Limpo, Ibirapuera, Juscelino Kubitschek (Cidade Tiradentes), Itaim Paulista e Sapopemba, além do Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa.






Clube Amigo da Criança
Clube Amigo da Criança

Ex-jogadora Fofão é madrinha do programa (Foto: Luiz Pombo/ SEME)


Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também