Prefeitura de BH amplia capacidade dos estádios e aceita que pessoas com duas doses não façam testes

·1 min de leitura


A Prefeitura de Belo Horizonte autorizou a ampliação da presença de público nos estádios da capital mineira de 30% para 40%, além de liberar que pessoas com as duas doses de vacinas não façam testes para detectar o coronavírus antes de entrar nas arenas, bastando apresentar o cartão de vacinas comprovando as duas doses.

Assim, os torcedores de Atlético-MG, América-MG e Cruzeiro terão mais ingressos à disposição para os jogos das Séries A e B do Brasileirão.

As novas regras já foram publicadas no Diário Oficial do Município (DOM) e já estão valendo. Aqueles torcedores que não completaram o ciclo vacinal, terão de apresentar o exame com resultado negativo para o coronavírus.

Com o aumento da capacidade, o público máximo no Mineirão passará a ser de 24 mil pessoas, enquanto o Independência poderá receber cerca de 9 mil presentes.

Veja a nota completa da PBH

"A Prefeitura de Belo Horizonte divulgará novos protocolos de Covid-19. Os decretos e portarias serão publicados no Diário Oficial do Município. A partir de amanhã, 15/10/2021, não haverá restrição de horário para bares, restaurantes e comércio de alimentos em geral.

Outra medida será a permissão de se apresentar apenas o comprovante da segunda dose da vacina ou da dose única para que torcedores possam assistir à partida nos estádios. Esta regra vale também para a participação do público em eventos sociais e shows ao vivo.
Nos shows para mais de 1.500 pessoas, em locais que comportam pelo menos 6.000 espectadores, assim como nos estádios de futebol, a capacidade passou de 30% para 40%."

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos