Prefeito de Londres não crê em volta da Premier League tão cedo

Goal.com

O prefeito de Londres, Sadiq Khan, jogou um balde de água fria nos planos da Premier League de retomar a competição já no próximo mês de junho. O campeonato está paralisado desde março por causa da pandemia de coronavírus.

Após a divulgação do governo de um documento com os planos pós-lockdown divulgada na segunda-feira, 11, a entidade e os clubes ficaram otimistas com a possibilidade de já haver jogos em 1º de junho. Há, porém, muitas indefinições.

Diversas possibilidades de se jogar em campo neutro foram levantadas na Inglaterra. Os jogos serão disputados sem torcida de um jeito ou de outro mas alguns clubes, principalmente da parte de baixo da tabela, querem jogar em suas casas. Perth, na Áustralia, e Londres apareceram como possíveis candidatas a receber tais partidas.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

No entanto, Khan afirmou que não é hora de pensar em jogos de futebol na cidade. "Sadiq está muito interessado na volta da Premier League e em esportes profissionais em geral", disse um porta-voz do prefeito ao Evening Standard.

"Mas, com o país aind vivendo essa crise e centenas de pessoas morrendo todos os dias, ele acredita que é muito cedo para discutir a retomada da Premier League e outras competições na capital. Como torcedor do Liverpool, claro que Sadiq quer que a competição volte, mas isso só vai acontecer quando for seguro fazer isso", completou.

O Liverpool de Sadiq tem 25 pontos de vantagem para o segundo colocado, Manchester City. Faltam apenas duas vitórias para que os Reds conquistem a Premier League pela primeira vez, já que na última conquista do clube, há 30 anos, ainda não era esta competição.

É certo que, quando o torneio for retomado, veremos muitas "novidades" como veto à tradicional troca de camisas e até cuspes no gramado.

Leia também