Pouco badalado, Erison resolve e vira 'rei dos clássicos' no Botafogo

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Erison decidiu mais uma vez para o Botafogo. O centroavante, que já havia marcado nas vitórias contra Fluminense e Vasco, voltou a balançar a rede e garantiu o triunfo por 1 a 0 sobre o Flamengo, no domingo (8), pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro.

O atacante deve entrar em campo novamente nesta quinta-feira (12), quando o Botafogo enfrenta o Ceilândia, às 21h30 (de Brasília), no Engenhão, pela partida de volta da terceira fase da Copa do Brasil.

No jogo de ida, o clube alvinegro venceu por 3 a 0. Por isso, pode até perder por dois gols de diferença e ainda assim assegurará a vaga nas oitavas de final do torneio.

Assim, a tendência é que o técnico Luís Castro escale um time misto. Desta forma, um provável Botafogo nesta quinta tem: Gatito Fernández; Jonathan Silva, Joel Carli, Klaus (Philipe Sampaio), Saravia; Oyama, Lucas Piazon, Patrick de Paula, Chay; Erison e Sauer.

ERISON

Depois de se destacar no Brasil de Pelotas na Série B em 2021, Erison chegou sem muito alarde ao Botafogo para esta temporada. Com a missão de substituir Rafael Navarro, que foi para o Palmeiras, ele demorou cinco partidas para desencantar. E seu primeiro gol saiu justamente na vitória sobre o Vasco por 1 a 0, pelo Campeonato Carioca.

Mesmo assim, a chegada da SAF proporcionou uma reformulação no elenco. Para o ataque, o empresário John Textor, dono da SAF, trouxe Victor Sá, Sebastian Joffre e Gustavo Sauer. Outros craques de fama internacional também chegaram a ser cogitados. O uruguaio Edinson Cavani, do Manchester United, foi o primeiro a despertar interesse, porém não poderia vir nessa janela e as negociações esfriaram. Eran Zahavi, atualmente no PSV-HOL, é outro nome que ainda interessa ao clube. Apesar deste agito no mercado da bola, Erison segue fazendo gols.

Enquanto nenhum grande nome chega, Erison vai cavando seu espaço entre os titulares com as boas atuações nos clássicos: ele foi o responsável por todos os gols nas vitórias do Fogão em clássicos cariocas nesta temporada. Além dos gols contra Vasco, no Carioca, e Flamengo, no último domingo, ele também anotou os dois da vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense, pela na semifinal do Estadual.

"Quando olho de forma individual e sim para o que o jogo precisa. Um jogador pode ter ido bem, mas se o jogo precisa de outra coisa, substituímos para o que a partida pede. Pode não estar bem coletivamente, o que não foi o caso [do Erison]. Ele esteve muito bem até o momento que saiu, [foi substituído] por problemas físicos", comentou o técnico Luís Castro ao falar sobre a saída de Erison, aos 32 da segunda etapa.

Os bons números em 2022 também indicam que a solução para a 'camisa 9' pode já ter sido encontrada pela equipe. Erison atuou em 18 partidas, totalizando 991 minutos com a camisa do Glorioso. Com 11 gols marcados, chegou a expressiva marca de um gol a cada 90 minutos em campo, com a média de 0,61 gol/jogo.

Estádio: Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)

Horário: 21h30 (de Brasília) desta quinta-feira (12)

Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)

Transmissão: Sportv e Premiere

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos