Portuguesa x Boavista, o primeiro jogo no Brasil com transmissão após pandemia

Goal.com

O Campeonato Carioca está de volta e marcou o retorno do futebol brasileiro após a paralisação por causa da pandemia de coronavírus Covid-19. A primeira partida aconteceu na quinta-feira (18), com a vitória do Flamengo , mas somente nesta sexta (19) é que o torcedor pôde ver a bola rolando no Brasil, com a partida entre Portuguesa-RJ x Boavista.

Bangu x Flamengo, no Maracanã , foi o jogo de reabertura do estadual, mas não foi transmitido por meio de imagens em nenhum canal e, com a proibição de torcida por questões sanitárias, ninguém conseguiu sentir o gostinho de rever o bom futebol brasileiro. 

A partida da quarta rodada da Taça Rio, disputada por Portuguesa-RJ x Boavista, exibida no Globoesporte.com, então, se tornou a primeira exibida por meio audiovisual após a pandemia. Mas, diferente do que o torcedor está acostumado, só uma câmera está acompanhando o jogo.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

A quantidade de pessoas no jogo, incluindo imprensa, é mínima e os protocolos de segurança foram adotados na chegada dos time ao Estádio da Ilha do Governador, todos usavam máscaras e tiveram a temperatura medida. Dentro de campo, os bancos foram higienizados e apenas cinco membros da comissão técnica podem estar presentes, incluindo, obrigatoriamente, um médico. No entanto, nenhum dos dois técnicos estão usando máscaras na beirada do campo.

Antes de a bola rolar foi cumprido um minuto de silêncio em homenagem às vítimas da Covid-19.

Logo no início do jogo, aos quatro minutos, a Portuguesa-RJ marcou um gol com o camisa 9 Adriano, no entanto a arbitragem anulou o tento, já que o jogador estava em posição de impedimento. 

Enquanto a bola rola dentro das quatro linhas e nos bancos os poucos presentes acompanham a partida, ao redor do gramado o estádio está em obras, e se transformou em um canteiro, com pilhas de areia e cimento. O fato é curioso mas, sem a presença do público, não atrapalha o jogo e não se torna um problema. 

A partida terminou com o empate por 0x0, com a Portuguesa com um jogador a menos desde os seis minutos do segundo tempo, quando o atacnte Cafu levou o segundo cartão amarelo. O resultado garantiu, antecipadamente, o primeiro lugar do grupo ao Flamengo.

Leia também