Português? Argentino? São Paulo entrevista treinadores estrangeiros antes de avançar em negociações

Gabriel Santos
·1 minuto de leitura


O São Paulo segue na busca por um treinador depois da demissão de Fernando Diniz na última segunda-feira (1). A diretoria sonda alguns nomes no mercado e tem preferências por um técnico estrangeiro.

São Paulo conversa com argentino: Listamos 25 técnicos promissores sem clube

Nos últimos dias, os treinadores argentinos Hernán Crespo e Schelotto foram procurados e tiveram reuniões com a cúpula do Tricolor. O interesse no ex-atacante foi noticiado primeiramente no 'GE' e confirmado pelo LANCE!. Ele está atualmente no Defensa y Justicia-ARG. Já Schelotto está sem clube desde que deixou o LA Galaxy-EUA.

SIMULE OS PRÓXIMOS JOGOS DO SÃO PAULO NO BRASILEIRÃO

Com o sucesso recente de portugueses comandando equipes brasileiras, o São Paulo também está atrás de técnicos lusitanos. Alguns nomes, como Pedro Martins, do Olympiacos-GRE e Bruno Lage, ex-Benfica-POR, foram analisados. Villas-Boas, desejo da torcida, foi praticamente descartado depois da pedida salarial, considerada alta.

As conversas vem sendo feitas pelo presidente Julio Casares, o dirigente do futebol Carlos Belmonte e o coordenador Muricy Ramalho, além do diretor executivo Rui Costa, que começou os trabalhos no CT da Barra Funda na última quarta-feira (4), depois da despedida de Raí.

Os primeiros contatos são feitos para a diretoria entender o estilo de jogo e as pretensões salariais dos técnicos pretendidos. Ainda não há uma definição para o São Paulo avançar em negociações mais concretas com qualquer um dos analisados no mercado.

Enquanto busca um novo treinador, o time vem sendo treinado pelo interino Marcos Vizolli, que deve dirigir o Tricolor até o final do Campeonato Brasileiro. O próximo compromisso é contra o Ceará, na próxima quarta-feira (10), às 21h, no Morumbi, pelo Brasileirão.