Portugal sofre mas vence Luxemburgo (3-1) nas Eliminatórias com gol de CR7; João Félix se lesiona

·2 minuto de leitura
O atacante Cristiano Ronaldo marcou o segundo gol de Portugal contra Luxemburgo, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, nesta terça-feira, 30 de março de 2021, em Luxemburgo

Depois do decepcionante empate em 2 a 2 no sábado fora de casa diante da Sérvia, Portugal retomou o caminho da vitória ao vencer em sua visita a Luxemburgo por 3 a 1, com um gol de Cristiano Ronaldo, nesta terça-feira pela terceira rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022.

Os portugueses lideram o grupo A empatados em 7 pontos com a Sérvia, que nesta terça-feira venceu o Azerbaijão fora de casa por 2 a 1. Luxemburgo está agora em terceiro, com 3 pontos.

A equipe do pequeno Grão-Ducado saiu na frente aos 30 minutos de jogo por intermédio de Gerson Rodrigues, meio-campista nascido em Portugal mas que joga pela seleção de Luxemburgo desde 2017.

O jogador do Dínamo Kiev, que foi o herói do seu time no sábado com o gol na surpreendente vitória em Dublin por 1 a 0 sobre a Irlanda, cabeceou para o fundo da rede do goleiro Anthony Lopes aos 30 minutos após um cruzamento de Danel Sinani. Logo depois, o mesmo Gerson chegou perto do segundo em outra abordagem perigosa (33).

Para Portugal o jogo ficou ainda mais complicado quando João Félix se lesionou, sendo substituído aos 41 minutos por Diogo Jota, que foi justamente o autor do gol do empate, aos 44, também de cabeça, após receber um passe do companheiro Ruben Neves.

Diogo Jota já havia marcado os dois gols portugueses no empate de sábado em Belgrado.

No segundo tempo, Cristiano Ronaldo puxou um contra-ataque que ele mesmo concluiu depois, aproveitando um bom passe de João Cancelo aos 51 minutos de jogo.

João Palhinha (80), de cabeça em cobrança de escanteio, garantiu a vitória de 3 a 1 para os campeões da Eurocopa de 2016.

Cristiano Ronaldo não havia marcado gols nos outros dois duelos de Portugal nesta janela de jogos internacionais de março, nem na vitória por 1 a 0 sobre o Azerbaijão e nem no empate em 2 a 2 na Sérvia, onde o astro da Juventus deixou o campo muito irritado depois que um gol seu nos acréscimos não foi confirmado, o que teria dado a vitória a Portugal.

CR7 eleva agora o número de gols marcados pela seleção portuguesa para 103 e, assim, ficou a seis do homem que detém o recorde em jogos de seleções internacionais: o ex-jogador iraniano Ali Daei, que marcou 109 na carreira.

bur/dr/mcd/aam