Portugal investiga morte de torcedor italiano em Lisboa

Torcedores do Benfica, no dia 22 de abril de 2017

A procuradoria geral de Portugal abriu investigação por homicídio culposo, nesta segunda-feira, depois de um torcedor italiano morrer, no sábado, durante briga entre organizadas do Sporting e do Benfica, em Lisboa.

"A investigação foi aberta para esclarecer as circunstâncias da morte do cidadão italiano", indicou um porta-voz da polícia portuguesa à AFP.

Marco Ficini, torcedor da Fiorentina e do Sporting, foi atropelado por um carro em uma rotatória próxima ao Estádio da Luz, do Benfica.

Os socorristas que chegaram ao local não conseguiram reanimá-lo. O motorista fugiu e há suspeitas de que o condutor seja torcedor do Benfica. Segundo a imprensa local, a polícia já identificou, mas ainda não deteve o suspeito.

A morte aconteceu horas antes do 300º clássico entre as equipes, que terminou empatado em 1 a 1 no estádio José Alvalade, do Sporting. Foi celebrado um minuto de silêncio antes da bola rolar.

O Benfica indicou que vai colocar à disposição das autoridades todas as imagens de câmeras de segurança localizadas na parte exterior do seu estádio.

O Sporting e a Fiorentina mantém vínculo próximo. Torcedores de ambas equipes costumam frequentar jogos do outro clube para celebrar a boa relação entre os times.