Por que o Inter merece ser campeão brasileiro? A resposta é simples, mas bastante significativa

Fabio Utz
·2 minuto de leitura

Nem no Campeonato Brasileiro de 1988, quando chegou à final e perdeu o título para o bom Bahia, o Internacional esteve tão perto de ser campeão nacional como em 2020. Mesmo faltando ainda seis rodadas para o término da competição, o time mostra um nível de consistência que dificilmente será derrubado. Pois o Colorado merece ficar com a taça por um simples motivo: ele olha para ela como um verdadeiro prato de comida.

Não há nenhum outro clube, entre aqueles que postulam o título, que demonstre tanto desejo de dar esta volta olímpica como o Inter. E isso, claro, dentro de suas limitações. O contexto vermelho sabe que não possui o melhor grupo de atletas do país, a direção tem consciência de que não pode fazer grandes investimentos e todos os atletas são orientados a dar seu máximo em busca de uma recompensa tão sonhada. É assim que se encara um Brasileirão, e é exatamente isso que ninguém mais fez (ou vem fazendo).

O São Paulo não demonstra brio, o Flamengo se perde em meio a vaidades, o Atlético-MG acha que só ter um grupo qualificado é suficiente, o Palmeiras possui outros focos, o Grêmio se coloca acima do bem e do mal e abre mão de sua força máxima. Enfim, para ser campeão nacional é preciso querer. Esta não é uma competição para ficar em segundo plano ou para ser olhada com desdém. Do contrário, os adversários passam por cima. E é o que o Colorado vem fazendo.

Para mais notícias do Internacional, clique aqui.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.