Por que Deyverson, criticado no Palmeiras, virou sensação em La Liga?

Goal.com

Deyverson chegou ao Palmeiras, em 2017, com grandes expectativas por causa do desempenho interessante mostrado na Espanha, onde em temporadas pelos modestos Levante e Alavés apareceu inclusive marcando gols sobre os gigante Barcelona e Real Madrid. Mas o seu histórico vestido de alviverde foi abaixo do que a exigente torcida esperava.

Depois dos sete gols em 20 jogos em sua primeira temporada, Deyverson já convivia com críticas em 2018 e não era titular. Mas enquanto a equipe alternativa, à época treinada por Felipão, galgava sucesso rumo ao título do Campeonato Brasileiro, o atacante provou ser decisivo naquela ocasião.

Foram nove gols (incluindo aí tentos marcados sobre os rivais Corinthians e São Paulo, além do que sacramentou o título brasileiro, contra o Vasco) e duas assistências. Mas os meses passaram e as críticas, que neste auge palmeirense eram feitas pela personalidade polêmica, voltaram com força total.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio
Deyverson Palmeiras Corinthians Brasileirão 09 09 2018
Deyverson Palmeiras Corinthians Brasileirão 09 09 2018
Deyverson, em 2018 (Foto: Getty Images)

Foi por isso que grande parte dos palmeirenses chegou até mesmo a comemorar a sua saída, por empréstimo, neste início de 2020.

Deyverson voltou ao futebol espanhol, desta vez para o Getafe, e causou uma excelente primeira impressão no modesto clube dos arredores de Madri, que vinha sendo a grande surpresa do Campeonato Espanhol até a paralização por causa da pandemia do novo coronavírus – ocupando o quarto lugar, que garante vaga para a Liga dos Campeões.

Em seis jogos disputados, levando em conta todas as competições, Deyverson fez um gol e deu uma assistência. A imprensa espanhola chegou até mesmo a dizer que o clube havia ficado encantado com Deyverson e a manchete resultou em ironias aqui pelo Brasil.

Mas por que o atacante, criticadíssimo por aqui, virou, tão rápido, sensação na Espanha?

O gol marcado sobre o Ajax, em duelo válido pela Europa League, ajudou. Mas o tratamento dado ao Getafe, por ser uma equipe mais modesta que vem surpreendendo, também ajuda a explicar.

Deyverson - Getafe Ajax
Deyverson - Getafe Ajax
Comemorando gol pelo Getafe (Foto: Getty Images)

Afinal de contas, a pressão e cobrança em um clube como o Palmeiras é consideravelmente maior. Deyverson vinha tendo um bom início no Getafe dentro do que se esperava do brasileiro e do que se espera em relação ao modesto time do estádio Coliseum Alfonso Pérez. Muito além do que nos números, a sensação positiva que cercou o ex-palmeirense até aqui também é explicada pela expectativa com a qual chegou.

Leia também