Ponte Preta precisa de considerável combinação de resultados para não voltar ao Z4

·1 minuto de leitura


A composição da 10ª Rodada no Brasileirão da Série B favorecia a Ponte Preta na briga para escapar da zona de rebaixamento onde, com uma vitória sobre o Avaí na última terça-feira (6) em Campinas, o time abriria três pontos do primeiro ocupante do Z4.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

Porém, diante do placar sem gols no Majestoso, agora os comandados de Gilson Kleina precisam torcer por uma considerável combinação de resultados. Em 16° com oito pontos (somente um a mais do que todos os ocupantes da parte baixa da tabela), quatro clubes não podem vencer na continuação da rodada para que a Macaca se sustente fora do grupo dos quatro últimos.

A situação fica ainda mais delicada quando se observa o fato de que, enquanto Londrina e Remo (19° e último colocado, respectivamente) podem empatar que não ultrapassam a Ponte no saldo de gols, o Brasil de Pelotas (18°) tem saldo igual de -3, porém com mais gols feitos, e o 17° colocado Vitória já tem saldo mais positivo, -2.

Logo, se um dos dois citados por último empatarem seus compromissos contra Operário (em Ponta Grossa) e Confiança (em Aracaju), o time campineiro passará mais uma rodada dentro da zona de rebaixamento.

Já sabendo se estará ou não dentro do Z4, a Ponte Preta volta a atuar pela Série B na próxima segunda-feira (12) às 20h (de Brasília) para um confronto que promete alto grau de dificuldade: o atual líder Náutico, nos Aflitos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos