Polonesa que leiloou medalha de prata conquistada em Tóquio recebe prêmio de volta

·1 minuto de leitura


A atleta polonesa Maria Andrejcezyk foi surpreendida ao receber de volta sua medalha de prata conquistada no lançamento de dardo na Olimpíada de Tóquio. A lançadora leiloou o prêmio para arrecadar fundos para pagar uma cirugia cardíaca de um bebê de oito meses. De acordo com a repórter Carol Barcellos, a rede de lojas Zabka, que venceu o leilão, pagou os mais de R$ 270 mil e retornou a medalha à Andrejcezyk.

> Confira a classificação atualizada do Brasileirão 2021 e simule as rodadas!

Além do leilão de sua medalha, a atleta também ajudou a arrecadar outros R$ 217 mil, totalizando quase R$ 500 mil para que o bebê possa realizar a operação em Stanford, nos Estados Unidos.

- Esta prata pode salvar uma vida em vez de acumular pó no meu armário, por isso, decidi leiloar a minha medalha para ajudar Milosz - disse a atleta.

+ Conheça o novo app do LANCE! e fique por dentro dos resultados e notícias!

A atleta que se recuperou de um câncer ósseo em 2018 afirmou que sentiu a necessidade de usar o valor para ajudar.

- Foi um impulso. Senti que esta medalha não podia ficar comigo porque recordo bem o quanto tive de lutar contra a adversidade e a dor. O valor real de uma medalha sempre permanece no coração, mas é só um objeto que pode ser de grande valor para outros - completou a polonesa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos