Poliana desabafa e celebra conquista inédita do Palmeiras: 'Libertadores mais difícil da minha vida'

Poliana celebra conquista inédita e desabafa sobre dificuldades (Foto: Staff Images/Conmebol)


O Palmeiras goleou o Boca Juniors-ARG por 4 a 1 e conquistou o título inédito da Libertadores Feminina na primeira participação do clube no torneio. Autora de um dos gols, Poliana desabafou sobre as dificuldades da competição e comemorou o feito.

> Veja os 14 principais palcos de decisões da Libertadores

- Tenho certeza que tem um gosto diferente. Foi a Libertadores mais difícil da minha vida. Devo isso à todas as minhas companheiras e à toda comissão técnica. Estávamos preocupados com o pouco descanso que tivemos, já que foi apenas um dia. Falamos no começo que não desistiríamos em momento nenhum e não desistimos - desabafou.

> Confira como foi a Libertadores Feminina de 2022!

A camisa 3 do Verdão agora tem cinco títulos da competição, alguns oriundos de quando jogava pelo Corinthians, e acumula também três gols em três decisões em questão.

Ao falar sobre a emoção de balançar as redes em uma final, Poliana fez questão de endossar a coletividade palmeirense e agradeceu a torcida pelas meninas.

- Ontem meu pensamento foi que meu primeiro gol em uma Libertadores foi contra o Boca Juniors, então coloquei na minha cabeça que queria marcar um gol e consegui. Obrigada a todos que torceram por nós. Esse time merece e trabalhou muito para isso. Pode olhar a felicidade na cara de cada uma - concluiu.