Polícia italiana barra 52 torcedores de jogo da Euro 2020 por descumprimento de restrições contra Covid

·1 minuto de leitura

MILÃO (Reuters) - A polícia italiana impediu 52 torcedores de irem ao jogo de quartas de final da Euro 2020 entre Inglaterra e Ucrânia em Roma no último sábado porque eles não cumpriam as restrições contra a Covid-19, afirmou em um comunicado neste domingo.

Em uma tentativa de impedir a disseminação da altamente contagiosa variante do coronavírus Delta, Roma introduziu uma quarentena de cinco dias no mês passado para qualquer pessoa que chegue à Itália após ter estado no Reino Unido nas duas semanas anteriores.

Ao cruzar nomes de viajantes de voos da Inglaterra e da Ucrânia com os que haviam comprado ingressos, a polícia italiana identificou 52 torcedores que não haviam cumprido o tempo de quarentena exigido. Esses torcedores também tiveram seus ingressos cancelados, disse a polícia italiana em comunicado.

Na semana passada, a Itália disse que torcedores da Inglaterra não deveriam tentar usar brechas das restrições de viagem contra a Covid-19 para entrarem furtivamente no jogo das quartas de final da Euro entre Inglaterra e Ucrânia em Roma, mesmo se tivessem ingresso.

A Inglaterra derrotou a Ucrânia por 4 x 0 no sábado e chegou à sua primeira semifinal da Eurocopa em 25 anos.

(Reportagem de Gianluca Semeraro)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos