Pogba segue na mira, e PSG pode dar 'último golpe' no mercado europeu; Camavinga também é avaliado

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.


A chegada de Lionel Messi ao Paris Saint-Germain pode não ter sido a última movimentação do clube francês na janela de transferências do mercado europeu. Mesmo após garantir grandes nomes para diferentes setores, a equipe parisiense ainda promete agitar o noticiário, segundo a mídia francesa.

+ Veja a tabela e os jogos da Ligue 1 2021/22


Segundo informações do jornal "L'Équipe", o meio-campista Paul Pogba segue na mira do PSG e o clube pode tentar uma investida ainda até o fim do mês, quando se encerra a janela de transferências. O presidente parisiense, Nasser Al-Khelaïfi, deixou em aberto a possibilidade de novas chegadas, diz o portal.

Pogba tem vínculo com o Manchester United até junho de 2022 e, caso não renove, poderá assinar um pré-contrato a partir de janeiro. De acordo com o jornalista Fabrizio Romano, os Red Devils tentam um acordo, mas até o momento foi em vão.

Pensando nisso, o conjunto francês poderia tentar sua contratação ainda nesta janela de transferências. Para isso, porém, alguns jogadores precisariam deixar o clube. Por conta do Fair Play financeiro, a negociação não é viável no momento.

+ Veja quem poderá assinar pré-contrato na Europa na próxima janela

Paul Pogba - França
Paul Pogba - França

Pogba fez boa Eurocopa (Foto: JUSTIN SETTERFIELD / POOL / AFP)

CAMAVINGA É O PLANO B
Ainda segundo o "L'Équipe", outro meio-campista francês tem o nome bem avaliado no Parque dos Príncipes. Eduardo Camavinga, de 18 anos, também tem contrato com seu clube, no caso o Rennes, somente até junho de 2022, e vive situação parecida com a de Pogba.

A diferença entre ambas as situações se deve pelo fato que o Rennes já admite vender o atleta agora para não perdê-lo de graça, algo que o Manchester United, a princípio, não quer. O jornal francês diz que a equipe francesa deseja 30 milhões de euros (R$ 185 milhões) para liberar a joia.

Eduardo Camavinga - Rennes
Eduardo Camavinga - Rennes

Camavinga é cobiçado por gigantes europeus há mais de um ano (Foto: JEAN-FRANCOIS MONIER / AFP)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos